Jul M

Oi

sábado, 21 de janeiro de 2017

O Tempo Não Para -- Capítulo 1


Você é a minha vida. Você é a única coisa que eu me incomodaria em perder.
Frase de Edward Cullen

Capitulo 1
Bella estava sentada debaixo de uma árvore na clareira de sempre, a clareira que ela brincava quando criança com seus amigos, não que as coisas tivessem mudado tanto, hoje ela já era professora de dança e possuía uma escola de dança. Sua situação financeira não era mais a mesma de antes, ela possuía uma vida boa, uma casa boa e uma linda menina de cinco anos. Tudo isso graça a sua força de vontade. Bella era microempresária. Sua escola de dança era bem conceituada e estava expandido o negócio, já havia abrido duas novas sedes: uma em Nova York e outra em Seattle. Bela conseguia gerenciar ambas a distância, por motivos de preferir continuar na escola onde tudo havia começado... A escola que abriu em Forks.
— Está na hora de ir Nessie! – Bella chamou a filha – Vamos que você tem aula ainda e eu tenho que passar na escola.
— Só mais um pouquinho? – Ela pediu.
— Amanha você poderá brinca o tempo que quiser, mas realmente agora precisamos ir, ou vamos nos atrasar! – Disse Bella.
A menina fez beicinho.
Sempre que Nessie fazia isso o coração de Bella doía ainda mais.
—- Nessie nós já conversamos sobre isso! – Bella diz pegando a bolsa da menina e sua bolsa, e batendo poeira da roupa. – Se você insistir vou para de lhe trazer aqui!
— Você está sendo chata.
—-  E você tem que parar de ser tão mimada. – Bella respondeu, mas ambas sorriram.
Nessie era uma criança adorável, nunca lhe deu trabalho durante esses cinco anos, as únicas vezes que Bella perdeu a cabeça com menina fora quando Nessie perguntou sobre pai, esse era o assunto que ninguém falava, nem mesmo Bella e tão pouco Charlie. Ele não falava porque Bella nunca lhe disse de fato quem era pai da pequena Nessie.
.................................................
O barulho no piso de madeira denunciava que ela estava chegando, era sempre assim quando ela estava furiosa.
Edward estava sentado em sua mesa no escritório quando a porta fora aberta com brutalidade. A loira deslumbrante estava lá tomada por sua elegância, mas o ódio nos olhos era presente. Ela usava cabelos preso em coque e um lindo vestido verde musgo colado ao corpo.
— Já pensou em bater? – Edward pergunta sem ao menos se dá ao trabalho de olha para ver quem era.
— Saia! – Tania gritou para a secretaria do marido que estava morrendo de medo do ruivo e não da loira.
— Pode sair Jane. – Diz Edward – Posso saber o que lhe trás aqui? Não deveria estar em algum lugar gastando meu dinheiro.
— Forks? Isso lhe diz alguma coisa?
— Vejo que já soube da novidade. – Ele disse sem ao mesmo olha em sua cara, ele preferiu manter os olhos no seu computador.
— Eu não vou volta para aquele fim de mundo!
— Pode ficar se quiser, eu não me importo! – Ele diz.
— Grosso! – Ela gritou e bateu com as mãos sobre a mesa – O que pensa? Que vai me afundar naquele fim de mundo de novo? Eu não vou volta para lá.
— Chega! – Edward gritou e loira pulo com medo. Ela havia conseguido novamente, ele estava realmente com raiva. – Eu não preciso da sua permissão para fazer o que eu quero. Não dependo de você minha cara, se não está feliz com minha escolha é simples, fique! Não quero você por perto, não estou lhe convidando para ir e nem mesmo desejo que vá.
— Cretino! – Tania gritou ao mesmo tempo em que levou a mão tentando lhe acertar um tapa, mas Edward seguro a mão da loira antes que conseguisse acerta-lo.
— Não se atreva! – Ele diz e ela treme novamente de medo. — Tania, nosso casamento não passa de boa fachada, você sabe que pode sair disso à hora que quiser.
— Só que sairei sem nada! – Ela diz entre os dentes. – E eu não vou. Prefiro viver nesse inferno ao deixa você leva toda a gloria.
— Então minha querida faça as malas, vamos volta para Forks.
...................................................
Bella saiu do carro e Nessie saiu logo em seguida, correndo em direção ao seu avô Charlie que esperavam por ela já na porta.
— Bom dia! – Bella disse sorrindo e beijando ele no rosto – Como você está?
— Estava com saudade. –  Ele diz e carrega Nessie rodando e abraçando a menina. – E você minha princesa, como está?
— Podemos ir pescar?
— Claro! Quando você quiser!
— Pai não diz isso, Nessie sabe que não é assim que funciona.
— Deixa a menina ser feliz. –  Charlie diz entrando junto com filha.
Sua casa agora era bem maior do que há de cinco anos atrás. A vida deles mudou literalmente.
Nessie estava na sala tomando café. Charlie a deixava fazer tudo que queria, a final ela era sua única neta, e pelo visto seria a única. Bella estava sentada com ele na mesa da cozinha tomando café enquanto a menina via seu desenho favorito.
— Acho que vou precisa viaja para Seattle, talvez deixe Nessie com você. – Bella diz.
— Vou adora passa um tempo com minha netinha. – Charlie diz sorrindo.
— Então, quais são as novidades? Bella perguntou.
—- Bom, a filha do Billy voltou.
— Serio? Leah voltou? Achei que ela nunca mais voltaria para Forks.
— Bom, ela voltou e não voltou sozinha, voltou com marido!
— Serio? Quem é o infeliz? – Bella disse sorrindo e o pai lhe olhou feio.
— Não sei muito sobre ele, mas ele e um dos diretores dessa empresa nova que vai abri aqui.
— Então é verdade! – Bella disse agora tendo a confirmação. — Eles estão mesmo voltando?
—- Bella, uma hora ou outra isso ia acontecer. – Disse Charlie. — Você sabe muito bem que os Cullens só foram embora devido aos problemas financeiros.
— Não é bem assim. – Bella diz.
— Todo mundo sabe que o velho John perdeu tudo para família Denali.
— Eles os roubaram! Ela fala
— Não é bem assim. Negócios são sempre assim: um dia você tem no outro não tem mais.
— Os Denali são um bando de cobra e o Sr. Eleazar não era a melhor pessoa do mundo!
— Vigarista! – Charlie diz — Não sei como John deixou se levar. Coitada e pobre Alice que ia acaba pagando pato pelos erros do pai.
— Ela fugiu antes mesmo de saber da real situação da família.
— Ela foi espeta isso sim!
— Pai, ela deixou o irmão na mão. O abandonou pela própria sorte!
— Edward não é um pobre coitado. Até onde sei ele recuperou tudo de volta, e hoje ele tem bem mais do que eles tinham antes.
— Ainda assim ela o abandonou!
— Ela seria obrigada a se casa com James, por favor, Bella você mesmo sabe que esse garoto não valia nada, ela só sofreria, Edward tomou o lugar da irmã. Nada mais justo sendo ele  filho mais velho.
— E quem tomaria o lugar dele?
— Ele fez o que achou certo. – Charlie disse — E além do mais ele está voltando, seria uma boa hora de vocês dois conversarem, afinal, você e ele foram ótimos amigos.
— Não quero a amizade dele!
— Ainda com raiva? Bella, você melhor do que ninguém deveria entender.
— Entender o quer? – Bella bateu com punhos sobre mesa – Que ele se vendeu? Que ele fugiu assim como Alice?
— Talvez se ele tivesse falado para você o que ia fazer, você tentaria o impedido!
— Pai, nós não estamos no século 19 onde as pessoas são obrigadas a se casarem. Ele tinha escolhas, tanto ele, quanto Alice.
— Alice se casou com Jasper Halle, afinal era ele que ela amava, e hoje eles têm um filho, o pequeno Jacob.
— Eles adotaram o menino, tecnicamente não é o filho deles.
—- Bella, eles criam a criança como filho, então é deles.
— Ai! – Bella gritou — Você e essa mania de colocar panos quentes por cima de tudo! Você sabe que foi errado, e que era errado o que eles fizeram para começa. E  o que a família Denali fez também é errado, no entanto, você diz que entende. Pois bem, eu não entendo e não quero entender.
— Está sendo mimada Isabella! – Charlie disse — Edward deveria saber exatamente o que fazia quando aceitou o casamento com Tania. E você só está com raiva por que ele não lhe disse nada, ele era seu melhor amigo, vocês eram inseparáveis e isso lhe magoa ainda.
— Não quero saber! – Bella diz se levantando. — Vou ter que ir à escola, você poderia fica com Nessie ate a hora do almoço? Ela não tem aula hoje.
— Claro! – Charlie disse — Adoro passar um tempo com minha neta.
— Ótimo. Não entupa ela com besteiras, ela precisa comer. – Bella disse. —Nessie, estou indo e volto para almoço. Se comporte direitinho com o vovô.
Bella beijou a menina que estava toda suja de chocolate e sorriu saindo.
....................................
— Tem certeza? – Alice perguntou — Eu não me importo em fica mais tempo aqui.
— Não Alice! – Edward diz. — Acho que já está na hora de voltamos para casa.
— Se você quer assim. – Disse Alice – Jasper também não se importava. Ele dizia que estava com saudade de Rosie.
— Acredito que todos estejam com saudade de alguém.
— Você vai ver Bella? – Ela perguntou.
— Se ela quiser. – Edward disse deixando o silencio toma conta do ambiente.
Continua...

7 comentários:

  1. gostei muito da atitude da bhella
    ela parece decidida kkkk
    a postagem dos cap vai ter dia especifico????
    ou vai ser conforme for sendo terminado???
    como sera essa volta dos cullen??
    sao tantas coisas q ta passando na mente ....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não tem dia certo para posta, mas sempre estarei postando durante a semana, ou final de semana.
      bjos linda

      Excluir
  2. Será que teremos um papai Cullen voltando para casa? Ansiosa pelo próximo capitulo.

    ResponderExcluir
  3. Tem certeza que vai ser maravilhosa como as outras

    ResponderExcluir
  4. Omg! Estou pirando com esse início de fic, quero mais....

    ResponderExcluir
  5. Essa fic vai ser muito boa...

    Esse primeiro capitulo foi bem interessante...

    Esperando o próximo capitulo...

    ResponderExcluir