Jul M

Oi

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Capitulo 39


“Não quero um amor rasgado, remendado, pela metade. Demorei tanto tempo pra encontrar essa paz, acho que mereço uma coisa inteira, intensa, indestrutível.”
                             — Caio Augusto Leite
Capitulo 39

As mãos habilidosas do jovem Cullen subiram com agilidade a saia da menina, a boca da moça ainda estava sobre a dele, em um beijo doce e calmo.

Com desenvoltura, Edward virou o corpo da mulher em direção a janela do escritório. 

Isabella tinha uma vista privilegiada da cidade ao seu deleite, enquanto o marido carinhosamente a penetrava por trás. Ela virou o rosto para poder ver o marido que estava perdido em prazer, segurando a morena pela cintura.

Os seios da morena meio que grudaram contra o vidro da janela, enquanto o marido dela seguia em um ritmo lento, mais profundo, pois lhe penetrava cada vez mais e mais.

A morena gemia a cada nova investida, as suas pernas se separaram, assim que o prazer tomou conta de seu corpo. Os gemidos ficaram presos dentro da sala...


A bela morena gritou quando atingiu o seu prazer, sendo seguida pelo marido que também delirou ao gozar plenamente.
................................
—- Alice chegará amanhã! - Bella disse, eles já estavam dentro carro indo para casa.
—- Odeio essas viagens repentinas de Alice! - Edward reclamou.
—- Bom, ela estará voltando amanhã! - Bella lembrou novamente — Eu vou buscá-la no aeroporto!
—- Eu posso fazer isso!
—- Ela pediu para eu ir buscá-la! - Bella  protesta — Edward, qual é o problema em eu ir buscar Alice, a final?
—- Tudo bem! - Edward desistiu — Mas avise-a logo, que quero conversar com ela, e que ela não tente fugir dessa vez.
Bella virou os olhos para o marido, contudo sorriu deixando a cabeça cair para o lado e descansar no ombro dele.
...............................................
Bella estava pálida, os olhos da morena ficaram ainda maiores a cada palavra que saía da boca de sua cunhada.
—- Para de me olha assim! - Alice disse mordendo os lábios.
—- Desculpe-me! - Bella pediu — Mas Alice...
—- Eu sei Bella, eu sei! - Alice retrucou nervosa, novamente — Você tá se perguntando como foi que eu deixei isso acontecer... A final eu sou esperta, como pude me descuidar e engravidar?
—- Na verdade, Alice, eu estou me pergunta se Edward vai matar você primeiro, ou depois de matar o pai de seu filho.
—- Bella! - Alice disse em um tom mais alto.
—- Me desculpe, mas você conhece o seu irmão, e nem venha me colocar nisso! Eu avisei você para contar a Edward quem era o seu namorado misterioso.
—- Bella, Jasper não quer essa criança... Ele nunca quis nada sërio comigo, eu era apenas uma conquista fácil para ele.
—- Oh, oh, espera aí... Ele vai ter que assumir cunhada! Você não fez o filho sozinha. Ele tem que fazer papel de homem e para de um moleque. E além do mais, Edward o matará se  ele não assumir você e o bebê.
—- Mas eu não quero assim! – Alice reivindicou — Se ele tiver que ficar comigo e o meu filho, que seja por amor.
—- Amor? Duvido que ele saiba o que seja isso, mas você quem sabe. - Bella replicou — Vamos para casa, porque hoje o dia promete que vai ser bem longo!
..........................................
Bella estava sentada no chão, encostado na porta da Biblioteca que estava fechada, Edward estava trancado do lado de dentro sozinho, a conversa com Alice já tinha terminado. Fora a maior gritaria, e no final, Alice levou a melhor sobre o irmão que se rendeu, porém ficou na Biblioteca trancado sozinho.
—- Edward, por favor, abra a porta! - Bella pediu pela milésima vez.
—- Vá embora! Você me enganou!
—- Edward, por favor!
—- Bella, vá embora! Não quero falar com você e nem com ninguém! Deixe-me sozinho!
—- Não vou sair daqui enquanto você não falar comigo.
Não houve resposta, apenas o silêncio. Bella não precisava ficar ali, afinal, a culpa era de Alice que tinha sido burra ao ponto de engravidar de um babaca mulherengo. Porém, ela ficara ali do mesmo jeito, mesmo sem entender o porquê de estar fazendo aquilo.
..............................................
—- Bella, menina! - Daniella chamou — Menina, já amanheceu.
—- Que hora são?
—- Oito da manhã! - Daniella disse — Não acredito que você dormiu aí, sentada no chão.
—- Ele não abriu a porta.
— Ele está decepcionado! - Daniella ponderou — Alice sempre fora a menina dos seus olhos, ele não esperava por isso.
—- Não justifica que ele desconte em mim! - Bella disse se levantando — Eu vou me arrumar, tenho aulas hoje!
Bella saiu indo em direção  ao seu quarto, tomar um banho.
...............................
Bella estava saindo da aula, quando Tânia apareceu em sua frente trajando um vestido vermelho e muito bem arrumada.
—- Nossa! Você está péssima! - Tânia disse.
—- Não é da sua conta! - Bella retrucou caminhando, mas a loira a seguiu.
—- Espera, tenho algo para falar com você!
—- Só que eu não tenho nada para falar com você!
—- Na verdade, eu andei conversando com um velho amigo seu. Acho que você conhecer o jovem Black. – O sobrenome Black fez Isabella parar – Sabia que o conhecia!
—- Acho que todo mundo o conhece! - Bella disse — A final é uma família importante.
—- Não querida, sei que você conhece Black, porque você namorou com ele.
—- O que você quer Tânia?
—- Que você saía do meu caminho! Que peça o Divórcio para Edward, quebre o coração dele se for preciso, mas apenas suma de nossas vidas.
—- Ficou louca? - Bella disse olhando a loira com ódio — Por que diabos eu faria isso?
—- Você fará isso, ou eu direi para Edward a verdade, que você nunca o amou! Que se casou com ele por interesse, que deu um golpe nele e que foi você que me arruinou.
Bella olhou para morena, então sorriu abertamente e chegou um pouco mais perto.
—- Se você andou conversando com Black, então você deve saber do que sou capaz. - Bella disse — Vou lhe dar uma dica valiosa: Fique longe do meu caminho ou serei eu a acabar com você de uma vez por todas... Da primeira vez, só lhe tirei parte do seu dinheiro, mas da próxima te deixarei sem nada.
—- Você não é mulher para isso! - Tânia disse.
—- Então se atreva a entrar em meu caminho e pague bem caro por isso!
A morena saiu fumaçando da Faculdade, ela  estava começando a perder a cabeça com Black e aquilo a estava deixando bem tensa. Estava na hora de dar sua cartada final!
.....................................................................
Edward estava no quarto quando Bella chegou, ela olhou para o marido que estava deitado na cama com os olhos fechado, parecia estar dormindo. Ela retirou os seus sapatos, o casaco e caminhou se juntando a ele na cama.
—- Bella! - Ele sussurrou sem abrir os olhos.
—- Shiii... Não diga nada! - Bella murmurou — Me deixe ficar aqui com você, abraçadinha, deixe-me esquecer do mundo lá fora, quero apenas ficar aqui com você.
—- Eu também! - Ele disse a puxando e a abraçando.
—- Por favor... - ela sussurrou no ouvido dele — Nunca esqueça que eu te amo, não importa o que aconteça, eu te amo...
Edward não entendeu o porquê daquilo, mas perante a situação, ele apenas puxou a morena para os seus braços e a apertou como se não tivesse amanhã, como se a única coisa que importasse fosse o hoje, o agora...


Contínua...

2 comentários:

  1. A Bella se apaixonou mesmo pelo Edward.
    Xiii Jacob e Tania se unindo não vai dar boa coisa.
    Ansiosa pelo próximo capitulo.

    ResponderExcluir
  2. Eita... Lascou-se tudo...

    Alice gravida...

    A bruaca da Tania se juntando ao cão...

    Aguardando cenas do proximo capitulo...

    Ahhhhh...


    Liliane

    ResponderExcluir