Jul M

Oi

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Capitulo 7


A habilidade de suportar a dor é a arma de um guerreiro. Domine isso e nada terá poder sobre você. Nada. — The Originals.

Capítulo 7

Alice estava com as unhas pintadas de vermelho escarlate naquela manhã. Edward analisava a irmã com atenção, ela parecia preocupada.
-- O que aconteceu Alice?
-- Nada, que dizer... - Ela arguiu olhando para as unhas bem feitas — Eu estou nervosa, preciso saber se a minha coleção foi aprovada... Se for eu terei todos os meus modelos exibidos na semana da moda.
-- Relaxe! Acredite! Você vai conseguir! - Edward ditou palavras de incentivo — Você é boa nisso, acredite!
-- Espero que sim! - Ela disse cruzando os dedos — Bella não vem hoje?
-- Bella? - Edward repetiu intrigado sem entender.
-- Isabella, Edward, Isabella! - Ela rebateu — A sua assistente prefere a chamem de Bella. Aliás, esse apelido lhe cai muito bem, até porque ela linda.
-- Acho que sim! - Edward disse demostrando indiferença.
-- Ah, fala sério! Vai dizer que não notou que ela é linda!
-- Alice, ela e só um menina! - Edward argumentou — Isabella é jovem demais e semestre que vem eu serei Professor dela, por favor, não misture as coisas.
-- Não estou misturando, apenas perguntei se você não a achava bonita...
-- Que saber se eu a acho bonita? Sim, Alice. Ela é uma mulher bonita, porém muito jovem e cheia de sonhos... Ela ainda tem muito para viver, jamais se prenderia a alguém idoso como eu...
-- Edward você não é tão velho assim!
-- Mas já não sou tão jovem também!
-- Não entendo você... - Alice contrabalanceou — Você se fechou para mundo depois dela...
-- Não vamos começar Alice, não quero falar sobre isso...
-- Mas Edward, eu acho...
-- Alice, já disse que não quero falar sobre isso.
-- Espero que seja sobre mim, porque se for sobre outra pessoa, eu vou ter que sair... Tá chovendo horrores lá fora! - Bella interviu da soleira perto da sala de estar.
-- Bella! - Alice disse sorrindo — Não estávamos falando de você, mas quero a sua ajuda, venha! Já, já a devolverei para você irmãozinho.
-- Isso eu pago ela para ser sua marionete Alice! 
- Não reclama Edward!
Isabella apenas sorriu ao ser arrastada por Alice. No quarto de Alice, ela mostrou a jovem alguns vestidos da sua nova coleção e pediu ajuda de Isabella para separar os que mais lhe agradasse, pois aquele seria o seu exame final para o fechamento do semestre. Após a ajuda, Alice notou que Isabella usava um vestido de magas muito compridas.

-- Adorei o vestido! - Alice comentou.
-- A minha madrinha quem fez! - Bella disse fingindo empolgação.
-- Aconteceu alguma coisa? Estou achando você meio triste.
-- Nada Alice... ...apenas ansiosa com as provas finais.
-- Acho que todos nós, né?
-- Verdade, mas vamos supera isso! - Bella disse sorrindo. — Agora eu vou trabalhar Alice, antes que o seu irmão entre furioso, ameaçando a todos com a sua ira.
-- É verdade, eu acho que o humor dele vai estar mais atacado hoje! - Alice refletiu a situação, fato que chamou a atenção de Isabella, é claro.
-- Por que diz isso?
-- Hoje pelo café, eu comentei sobre Tania...
-- Tania? Quem é Tania?
-- Desculpa... Acho que você não sabe... - Alice disse sorrindo — Tania e a ex-noiva dele, deixou Edward plantado na igreja no dia do casamento, para ficar com outro cara.
-- Ela fez isso? - Isabella disse surpresa.
-- Ela foi o grande amor de Edward, depois dela, ele não se envolveu com mais ninguém, e quando digo ninguém, é ninguém mesmo. - Alice suspirou — Isso me preocupa, Edward passou boa parte da sua vida trabalhando e fazendo a sua carreira. Agora ele tem tudo, a carreira dos sonhos, o prestígio merecido, claro, que sempre tivemos dinheiro. Os nossos pais nos deixaram uma estabilidade financeira muito boa, mas ainda assim, ele duplicou tudo e hoje temos muito mais do que precisamos. No entanto ele se trancou para o amor e para vida social.
-- Talvez não tenha aparecido uma mulher certa para ele, ainda.
-- Ou talvez ele ainda ame aquela vaca! - Alice disse.
-- Alice, eu preciso de minha assistente aqui! - Edward gritou do andar de baixo.
-- Acho melhor eu ir! - Bella falou ficando de pé.
-- Bella, por favor, não comete nada com ele...
-- Alice, jamais comentaria algo desse tipo! – Ela assegurou — Até porque o seu irmão não me dá essa liberdade!
Bella sorriu para Alice e saiu do quarto indo em direção ao escritório, foi algo inesperado, assim que ela abriu a porta, o copo de vidro acertou a lateral da parede, explodindo em pedaços e alguns fragmentos acertaram Isabella em cheio.
-- Meu Deus! - Edward gritou e correu em direção de Isabella, ela tinha os olhos fechado e se encolheu em direção à parede — Bella me desculpe, eu não imaginei que você... Alice, por favor, trás o kit de primeiro socorros.
-- Tá tudo bem não machucou! - Bella disse, mas era tarde, Edward levantou a manga do vestido dela e outra surpresa veio.
-- O que foi isso? - Ele olhou para ela assustado.
Nos braços de Isabella estavam vários hematomas, roxos e verdes, ele sentiu a face dela corar de vergonha ou pelo menos fora aquilo que Edward pensou.
-- Não foi nada! - Bella disse puxando a manga do vestido e tentando cobrir novamente os hematomas
-- Não, isso foi algo sim! - Edward disse segurando ela com cuido pelos ombros — O que aconteceu Isabella?
-- O que aconteceu? - Alice disse ao chegar à sala, trazendo um kit de primeiros socorros consigo. — Minha nossa! - Ela disse surpresa e assustada.
-- Não foi nada! - Bella repetiu — Apenas me cortei com cacos de um copo.
-- Precisamos limpar ferimento - Alice disse olhando o local acidentado.
-- Alice pode deixar que cuidarei disso! - Edward disse, mas não olhou para irmã, ele tinha os olhos atento em Isabella. — Pode ir agora, deixe que eu cuide dela!
-- Tem certeza? - Ela perguntou.
-- Claro! - Bella anuiu — Está tudo bem!
-- Tudo bem! - Alice disse meio a contra gosto — Mas vou estar lá encima terminando alguns projetos. Se precisar e só chamar.
-- Tudo bem Alice! - Edward assentiu.
Edward limpou o ferimento de Isabella. Havia sido apenas um corte superficial, arranhões leves, devido o estouro do copo contra a porta. Assim que ele terminou de limpar o ferimento, eles se sentaram sofá.
-- Que manchas são aquelas em seus braços? - Ele perguntou – E não me venha com mentiras, eu sei bem que são hematomas.
-- Eu caí... - Ela disse desviando os olhos do dele.
-- Sério? Acha mesmo que vou acredita nisso?
-- Edward, e só o que você precisa saber... - Ela disse na defensiva — Por que atirou o copo contra parede?
-- Não foi nada, só um momento de descontrole! - Ele sussurrou.
-- E você quer que eu acredite nisso? - Ela usou as mesmas palavras proferidas por ele antes.
-- É o que você precisa saber... - Ele disse dando, um sorriso meio torto, a moça sorriu de volta, timidamente.


Contínua...

7 comentários:

  1. não sei se eu gosto ou não dessa Bella

    ResponderExcluir
  2. A Bella ainda é uma incógnita pra mim. Será que foi a familia dela que fez isso?

    Ass:Lívia

    ResponderExcluir
  3. Aposto que foram a mãe e o padrasto que fizeram isso. Ou então ela tentou da uma de esperta pra cima de alguém e se deu mal. Ainda fico com a primeira opção, mas vindo da Bella eu não duvido de nada.
    Agora... o que fez o Edward agir assim??? Humm.. mistérios..
    bjos e até mais..

    ResponderExcluir
  4. Não to gostando da fic. Não curto a Bella assim.

    ResponderExcluir
  5. Nã acho legal ela querer se aproveitar do ed.
    Ele já sofre tanto sozinho, por ter sido abandonado .
    Acho que ela poderia se apaixonar de verdade

    ResponderExcluir
  6. Acho que por tras dessa Bella durona e ambiciosa tem uma menina super carente e que logo vai saber o q é se apaixonar de vdd em breve.

    Tamara

    ResponderExcluir
  7. Aonde ela arranjou esses hematomas???

    Quero mais!!!
    Quero desvendar essa Bella!! Pq mesmo achando ela dificil de decifrar eu gosto dela...

    Liliane

    ResponderExcluir