Jul M

Oi

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Em Maus Lençóis -- Cap 30

DESCOBERTAS...

Isabella era o tipo de garota que aprendeu cedo a se defender sozinha, pois ela sabia que as pessoas nem sempre eram boas como aparentavam ser. Ela perdeu a mãe cedo e ter somente o pai em sua vida, que na realidade, não era exatamente o melhor pai do mundo, só fez com que ela desenvolvesse habilidades, digamos que, um pouco ilegais.
Naquela manhã, Isabella estava na sala quando Nessie chegou, era sábado e a semana havia passado voando. Nessie não dormira em casa, ela tinha passado a noite com namorado.
-- Oi! - Ela cumprimentou Bella — Papai taí?
-- Edward saiu... - Isabella respondeu — Mas eu acho que ele não vai demorar!
-- Não posso espera! - Nessie avisa — Você poderia dizer a ele que almoçarei com a mamãe!
-- Claro! - Isabella se prontificou — Aonde vocês vão almoçar?
Isabella ficou curiosa, primeiro, Nessie estava agindo diferente com ela, isso era bom, mas ela sempre se manteria desconfiada em relação a esse ponto. E ainda, James estava de volta, ele havia passado a semana toda indo buscar Victoria na Escola, bancando o namorado perfeito.
-- Vamos sair com a minha tia Tânia! - Nessie pontuou — Nós vamos ao shopping.
-- Ok! Eu direi ao seu pai! - Isabella garantiu dando um sorriso.
Nessie subiu até o seu quarto e voltou correndo, apenas deu um leve acenou de mãos para Isabella e saiu para se encontrar com a mãe e a tia.
...........................
Edward chegou pouco tempo depois que Nessie havia saído, ele estava usando um suéter azul e os cabelos dele estavam bem bagunçados, além de mega sexy. Isabella babava quando o viu entrar na sala.
-- Oi querida! - Ele disse sorrindo.
-- Olá querido! - Isabella replicou abrindo um belo sorriso — Eu cozinhei hoje!
-- Que bom! Eu estou mesmo morto de fome! - Ele disse e se juntou a ela no sofá. Isabella rapidamente subiu para o colo dele.
-- Nessie foi almoçar com Rose e a tia dela, Tânia! - Isabella lhe disse distribuindo beijos pelo rosto do amado.
-- Eu li a mensagem dela em meu celular.
-- Pois é! - Isabella disse e olhou para ele — Quem é essa Tânia? Eu não a conheço? Pensei que Rose fosse filha única!
-- E é! - Edward respondeu com as mãos na cintura dela. — Tânia é prima de segundo grau dela, elas se odeiam! Edward comenta — Rose só falava com Tânia para provocá-la
-- E por que ela iria querer provocar a prima? - Bella perguntou com as mãos nos cabelos dele.
-- Tânia tinha interesse por mim, no passado! - Edward disse dando de ombros — Tânia não passava de uma simples amiga para mim, porém quando Rose descobriu que ela tinha uma quedinha por mim, ela se deleitava em jogar na cara da prima, que ela havia ganhado o grande prêmio...
-- No caso, você?! - Bella complementa. — Isso foi muita maldade...

-- Eu sei... - Edward anuiu e beijou o rosto de Isabella - Mas essa é Rose, mesquinha e egoísta.
-- Vamos comer? - Bella perguntou.
-- Vamos sim!
....................
Não foi difícil para Isabella encontrar o número de Tânia, ela queria saber de algo, algo que ela já desconfiava a um bom tempo, mas precisava ter certeza. Se Tânia odiasse tanto Rose, como Isabella acreditava e torcia que sim, Bella conseguiria descobrir o que queria...
Quando Tânia recebeu a ligação de Isabella, que disse ser amiga de Nessie e que precisava falar com ela, Tânia, primeiro, pensou que fosse armação. Rose tinha se vingado dela, de um jeito que ela jamais esqueceria, mas a vingança da loira, não tardaria, porém quando Isabella disse que era algo do interesse dela, a mulher ficou muito curiosa.
Isabella vestia calça jeans, blusa branca, um casaco preto e calçava tênis. A morena caminhou em direção à mesa combinada, então avistou Tânia de longe, a mulher usando um vestido vermelho e justo nos seios que só faltavam saltar para fora. Ela levantou os óculos quando Isabella chegou perto da mesa, analisado cada parte da morena, sem entender o que realmente aquela garota iria querer com ela.
-- Olá! - Isabella disse dando um grande sorriso — Eu sou Isabella Swan, amiga de Nessie.
-- Tânia Denalli! - Ela disse ignorando as mãos da menina — Pode se sentar, e se não se importa, eu prefiro que vá logo direto ao assunto.
-- Eu realmente, não tenho intenção de enrolar...
Isabella puxou uma cadeira e se sentou. Ela analisou bem a loira, antes de abrir a boca e dizer para o que veio...
-- Eu sei que Rose é uma vadia da pior espécie! - Ela foi curta e direta — Também sei que ela te humilhou no passado, além de te rebaixar sempre que pode. Aquela mulher se acha melhor do que qualquer pessoa na fase da terra...
Tânia mantinha os olhos em Isabella, porém a sua respiração estava irregular, ela não tinha ideia do que Isabella pudesse saber.
-- Eu sei que você quer se vingar dela! - Isabella disse dando um sorriso matreiro — Eu posso lhe ajudar, e você pode sair dessa sem maculas... Só precisa me contar os podres que sabe sobre Rose Halle?
-- É Cullen! - Tânia corrige — Ela é casada com Edward Cullen, o que faz dela a Sra. Cullen!
-- Você está desatualizada, hum? - Isabella pontuou — Edward chutou a loira há algum tempo, agora, ela passou a ser Halle de novo. Bem, já que eu te atualizei, o que você acha de me ajudar em uma pequena vingança contra ela?
-- E por que eu faria isso? Qual e seu motivo de querer se vingar dela? - Tânia perguntou.
-- Ela está dormindo com o meu pai! - Isabella confessou — Não gosto e não o quero com aquela vadia.
-- Se você me garantir que não terei o meu nome envolvido nisso... - Tânia disse e fitou a morena — Eu lhe dou bem mais do que algumas informações, lhe dou provas...
Claro que Tânia iria ajudá-la, ela não teria nada a perder. Ela estava indo embora daquela cidade, pois havia encontrado um cara rico que poderia bancar os seus caprichos, lhe dar o luxo que ela sempre desejou... E por que não ferrar a priminha querida, antes de ir embora?
-- Nada melhor que isso! - Isabella assentiu — Me conte tudo!
.............................
Isabella estava no escritório depois de ter conversado com Tânia, que lhe deu muitas informações e provas. Bella sempre desconfiou do real motivo de Rose estar sempre fora de casa. Ambas fingiam que se davam bem, mas Isabella sempre achou deveras estranho, uma mulher como ela, passar mais tempo na rua do que com o marido no lar, ainda mais ele sendo lindo e gato, como Edward era...
Ela abriu o e-mail que Tânia havia lhe enviado... Nele continha fotos de Rose nua e outros caras, algumas, inclusive com vários caras na mesma foto. Rose era mesmo uma vadia, só em ver as fotos, Isabella ficou enjoada...
Isabella desligou o computador, ela foi em direção à sala onde Edward estava sentando, em frente à lareira, lendo um livro. Ela se sentou ao lado dele e ficou o observando. Edward era perfeito, mesmo ele sendo bem mais velho que ela, ele era lindo, era culto, inteligente, tinha um bom papo. Ela conseguia conversar sobre tudo com ele.
-- Você fica sexy assim! - Ela comentou sorrindo para ele.
-- Pensei que ainda iria demorar por lá! - Ele disse fechando o livro.
-- Edward, eu posso lhe perguntar algo?
-- Pode perguntar o que você quiser! - Ele replicou a puxando para ele e a colocando no colo.
-- É sobre Rose... - Edward enrugou a testa e olhou para ela, dando um sinal para que ela continuasse — O que você pensaria se soubesse que Rose te traia?
-- Como assim? - Edward não entendeu.
-- Sei lá! Nunca passou por sua cabeça isso? - Isabella disse e respirou fundo — Não fique bravo comigo...
-- Isabella, o que você está sabendo? - Ele perguntou segurando o rosto dela e a fazendo olhar para ele — Fale! – O seu tom foi mais alto.
-- Só lembre-se que eu te amo... - Ela disse e pegou o celular dela e o entregou para ele.
Edward pegou o celular da mão de Isabella, a menina saiu do colo dele. Bella mirou o rosto de Edward, que ficava cada vez mais pálido. E então, tudo nele mudou, os olhos dele ficaram cheios de fúria, e as mãos do rapaz se fecharam em punho. Ele apertou o celular, na clara intenção de tentar quebrá-lo...
Tudo era só silêncio...

CONTÍNUA