Jul M

Oi

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Em Maus Lençóis -Cap 29-

AMEAÇAS E AFRONTAS!
Isabella acordou cedo naquela manhã, ela tinha aulas. Nessie não estava em casa. Edward ainda dormia, quando ela escorregou para fora da cama e foi para o banheiro.
Quando Isabella saiu, Edward estava acordado encostado à cama e sorriu para a jovem.
-- Bom dia! — Ela disse dando um sorriso grande para ele.
-- Bom dia, linda! — Ele respondeu — Quer carona para Escola?
-- Não! — Ela disse — Eu vou de carro, tenho que comprar algumas coisas quando sair da Escola!
-- Precisa de dinheiro? — Edward perguntou.
Ele nunca tinha se dado conta disso, Isabella estava vivendo com ele já há mais de um mês, e ele nunca se deu conta de perguntar se ela precisava de dinheiro ou se tinha dinheiro consigo.
-- Não precisa! — Ela retrucou rindo — Eu tenho dinheiro! — Edward olhou para ela sem entender — Herança de minha mamãe, o meu pai não pode me impedir de usar.
-- Ok! — Ele assentiu — Mas se precisar de qualquer coisa me diga, ok?
-- Claro! Claro, eu te direi! — Ela anuiu dando um sorriso safado para ele e deixando a toalha escorregar de seu corpo, dando ao rapaz uma bela visão de seu corpo nu.
.................
Nessie e Jacob não deram as caras na Escola. Isabella ficou sozinha no meio de um bando de cobras, quando o último sinal tocou, Isabella correu para o estacionamento, ela queria dar o fora dali o mais rápido possível, estava grata por aquele ser o seu último ano naquela Escola de merda. Assim que chegou ao estacionamento, ela estancou ao perceber James encostado contra o carro dela.
-- O que esta fazendo aqui? — Ela perguntou confusa.
-- Nossa! Você bem que poderia ser mais receptiva! — James disse irônico.
-- Que tal... Vá se fuder e saia de perto do meu carro! — Ela retrucou zangada.
-- Sempre direta! — James satirizou. Isabella caminhou em direção ao carro, mas foi empurrada contra o próprio veiculo e James, rapidamente, segurou-a pelo pescoço. — Eu tenho um recadinho para você! Você vai terminar com Cullen e sumir da vida dele, saia da cidade, vá para onde desejar Isabella, você tem dinheiro para isso, apenas suma!
-- Ou? — Ela disse entre os dentes.
-- Ou faço essas fotos rodarem por toda cidade! — James disse mostrando as fotos que ele havia tirado de Isabella durante o ato sexual, quando eles namoravam, sem que ela soubesse.
Isabella ficou pálida, mais não o deixou notar que ficou abalada com aquilo, ela sabia que eram cópias que ele tinha as originais consigo.
-- Faz isso que eu te mato! — Isabella disse dando um sorriso — Eu não tenho nada a perder James, acha mesmo que ligo? — Ela sorriu mais abertamente — Eu mato você e faço parecer um belo acidente, e mesmo se for pega, eu posso alegar que você abusou de mim, mostrar as suas próprias fotos. James eu não sou Victoria e nem essas garotinhas que você anda comendo. O meu pai pode não ter feito o que era certo a se fazer naquela época, mais eu não vou deixar passar dessa vez...
Isabella o empurrou, tomou as fotos das mãos dele, abriu a porta do carro e se jogou dentro.
-- Fique sabendo, se uma foto dessas for publicada seja onde for... — Ela olhou para ele e deu um sorriso enorme que fez James tremer — Você será um homem morto! — Fez becinho e sorriu em seguida — E nós sabemos que eu faço o que prometo, não é mesmo James? Você me conhece bem, assim como eu a você... Ah, mande um beijo meu para a vadia da Rose, eu sei que foi ela que foi atrás de você...
Isabella entrou no carro e arrancou, ela esperava que James tivesse acreditado nela e que isso tenha o deixado com medo. Ela não mudou em nada os seus planos para aquele dia, até executou algumas coisas a mais do que planejou fazer.
........................
Edward estava no escritório quando a porta bateu e Nessie entrou, ela deu um sorriso e caminhou em direção ao pai.
-- Oi! — Ela o saudou.
-- Oi, querida! — Ele respondeu — Como foi a sua aula?
-- Bom! — Ela mentiu, pois ela não havia ido à aula — Pai tem um show em Port Angeles hoje, Jacob me chamou para ir!
-- Tá pedindo a minha permissão?
-- Na verdade tô! — Ela disse — E também dinheiro, a minha mesada acabou!
-- Nessie eu quase não vejo você em casa... — Edward ponderou — Você passa mais tempo fora com Jacob do que aqui! — Ele suspirou — Ele é um bom rapaz, eu entendo isso, mas eu quero poder participar de sua vida... Não quero ser apenas o cara que te dá dinheiro. Quero ser o seu pai!
-- Você tá dormindo com Isabella no quarto que dormia com a mamãe! — Ela alfineta.
-- Eu e a sua mãe estamos separados, Nessie!
-- E você tá fudendo a minha melhor amiga! Muito justo!
-- De novo com isso Nessie! — Ele disse já cansado de discutir aquilo — Eu não planejei me apaixonar por ela, não foi algo que simplesmente eu pudesse controlar, apenas aconteceu! Aceite isso! — Ele olhou para a menina — Você não poderia apenas ficar feliz? Por eu estar feliz! Mesmo você, o meu pai e até mesmo a sua mãe me infernizando a vida por causa disso, eu estou feliz! Ela me faz feliz! Olhe para mim? — Ele gritou cada palavra e aquilo assustou Nessie — Você mesmo disse que eu estava diferente, parecia mais vivo, era ela, o tempo todo era ela... Eu me sinto vivo como há muito tempo não me sentia! E por algum milagre, Isabella me ama, e ama de verdade, se não fosse isso, ela já teria chutado o balde com merda toda... Não teria o porquê de ela passar por tudo isso, se fosse apenas um casinho passageiro.
Nessie não disse nada, mas se sentiu triste pelo pai, pois aquelas palavras entraram em seu peito com força, o impacto havia sido grande...
-- O dinheiro para o seu show! — Edward disse o colocando sobre a mesa — Aproveite! E avise se não for dormir em casa!
-- Eu vou dormir com Jacob! — Ela avisou — Quer dizer na casa dele.
-- Eu sei que você já transa! — Edward disse — Apenas se cuide, não acho que vai querer ser mãe nessa idade.
Nessie não disse nada, apenas caminhou para fora da sala, quando estava saindo ela encontrou Isabella entrando.
-- Boa noite! — Ela disse para Nessie.
-- Boa noite! — Nessie respondeu — Tô saindo, até amanhã! — Ela já ia saindo, mas parou e voltou — Hey, se o meu pai perguntar se estive na aula hoje, confirme, ok?
-- Tudo bem! — Isabella disse e piscou para menina que saiu em seguida.
....................
O sol já tinha se posto, Isabella passou no escritório de Edward quando chegou, contudo a porta estava fechada, ela bateu, mas ele não abriu. Ela entendeu que ele queria ficar sozinho... Ela então decidiu subir para o quarto que dividia com ele. Isabella se jogou sobre a cama pensando nos últimos acontecimentos de sua vida.
Para começar, ela estava vivendo com Edward... Jacob tinha razão, no inicio era apenas capricho dela, um capricho que saiu do controle. Ela queria apenas provocar o gostoso do Sr. Cullen, mas quando ela começou a conhecer melhor Edward, ela começou a gostar mesmo dele, se sentir fascinada por ele... Cada vez que se via perto dele, se interessava ainda mais pelo homem, até que não conseguiu mais negar para si mesmo que ela estava amando o Sr. Cullen. Um homem que tinha idade para ser o seu pai, e era com esse homem que ela queria fazer tudo...
Edward era diferente, ele era engraçado, e não cobrava nada dela, a deixa fazer tudo do jeito que sempre quis, era mandão, às vezes, mas até isso ela adorava nele... Gostava do modo como ele fazia amor com ela, e do jeito ele fazia sexo, também. Ele a completava na cama e fora dela, ele era sempre gentil e fazia com que ela se sentisse amada e segura. Ela entendia cada parte de Edward, sabia quando ele estava zangado e preferia fazer sexo ao invés de conversar, conhecia o sorriso dele e amava o modo que os olhos dele brilhavam sempre que olhava para ela, o coração dela disparava sempre que ele estava por perto.
Ela estava cada vez mais envolvida, e não queria perdê-lo... Ela se lembrou de que James estava com aquelas foto, e esperava que ele realmente tivesse ficado com medo, porque senão ela estaria ferrada, bem mais do que já estava, a cidade já a odiava, todos falavam dela pelas costas e alguns na sua cara, mais se aquelas fotos fossem a público, seria pior, bem pior do que ser falada...
Ela saiu da cama indo para o banheiro, tomou um banho relaxante e quando saiu não se deu ao trabalho de colocar alguma roupa, ela se secou com uma toalha e se jogou em cima da cama... Primeiro, ficou olhando para o teto, depois se perdeu em pensamentos, quando se lembrou de tudo o que tinha feita com Edward até aquele ponto, o seu corpo começou a ficar quente, e os seus desejos começaram a falar mais alto...
As mãos da menina começaram a ter vida própria, ela as passava pelo corpo, dando certa atenção aos seios e depois escorregou pela barriga, indo para o meio de suas pernas. Isabella não se dava conta daquele ato natural, era desejo, era saudade, ela sabia disso, só a mera lembrança que estava rodando a sua cabeça, deixava a jovem com o corpo quente e vivo... Sem se dar conta, ela se tocava, começou com toques leves, e então usou o dedo do meio e se auto-penetrou, primeiro com movimento lentos, mais depois um pouco mais rápidos, os seus olhos estavam fechados, então ela não notou e nem ouviu quando a porta fora aberta e Edward entrara no quarto.

 Ele não fez barulho algum, ela estava linda, tão exposta e tão desejosa por atenção, ele sorriu ao se lembra do vídeo que ela tinha mandando para ele uma vez, enquanto se masturbava, no quarto dela bem de frente a sua casa, ele não pensou duas vezes, antes de pega o celular que estava em seu bolso e filmar a menina que ele tanto amava se dando prazer... Ela gemeu e um suspiro saiu de sua boca quando ela arqueou as costas sentindo prazer, ela gemeu novamente e chamou o nome de Edward...
-- Tenho certeza que posso fazer melhor do que os seus dedinhos, minha querida! - Ele disse desejoso.
Isabella abriu os olhos parando os movimentos que fazia e dando um sorriso que deixou Edward duro, só de olhar a menina mordendo os lábios e chamá-lo para cama, usando os dedos...
....................................
Edward estava deitando e Isabella tinha o pau dele preso em sua boca, chupando, enquanto ela fazia dele um delicioso picolé, Edward seguia filmando com o celular cada movimento da menina. 

Edward nunca teve fascínio por aquele tipo de coisa.Rose tentou uma vez, mas ele se recusou aquela prática, porém com Isabella, tudo se tornava mais divertido e mais intenso.
Isabella estava deitada de barriga para baixo, Edward estava por cima dela, o movimento era ritmado e Isabella gemia cada vez que ele se afundava dentro da buceta dela, a boca do rapaz perto do ouvido na garota, ele sussurrava palavras safadas que ele sabia que Isabella tanto adora.

-- Fique de quatro! - Edward sussurrou saindo dela e deixando a menina se colocar na posição. Ele sorriu quando a viu de quatro, a sua frente, na sua cama, aquela menina ainda iria matá-lo, mas morrer gozando não parecia ser algo tão ruim assim para ele. — Você me deixa de pau duro, ainda mais assim! - Ele comentou bateu na bunda dela. — Adoro quando fica assim e ainda empina essa bunda!
-- Edward! - Ela gemeu manhosa – Eu quero o seu pau dentro da minha buceta!
-- Oh baby! - Ele disse safado — Você vai ter!
Edward se colocou atrás dela, segurando a jovem pela cintura e uma das mãos presa ao pescoço dela, sem pensar duas vezes, ele a penetrou em um único golpe.

-- Oh! - Ela gemeu e sua boca se fechou em “O” — Eu tô sentindo você todo dentro de mim! - Ela gemeu as palavras.
-- Não Baby! - Ele disse mordendo levemente os ombros dela — Agora sim, você vai sentir... ...minha putinha!
Edward a segurou pela cintura e começou a penetrá-la, fazendo movimentos de entrar e sair, se afundando com gosto dentro da buceta apertada da menina. O corpo dela tombava para frente a cada penetração dele, as suas mãos seguravam e apertavam os lençóis.

-- Merda! Sim, sim me fode! - Ela gritou.
Edward gemeu alto e movimentou os quadris com mais força. Edward passou o braço em volta do pescoço da menina, movimentando ainda mais rápido os quadris, se enterrando com força na cavidade molhada e que ficava cada vez mais apertada e encharcada. Os cabelos cobriam boa parte do rosto da jovem, a boca se abria cada vez mais em “O”.

-- Mais forte Edward! - Ela gemeu — Oh, sim mais forte tô quase lá...
Edward se apoiou sobre os joelhos, puxando os braços da menina para trás, ele passou a fudê-la com mais força, os seios de Isabella balançava segundo o ritmo das investidas dele.

 A buceta da menina estava ainda mais apertada, e dificultava cada vez mais a entrada de seu mastro naquele lugar. Com força ele seguiu o ritmo até que Isabella gritou gozando com vigor em seu pau.
-- Edward! - Ela gritou o nome dele deixando o rosto se enterrar na cama, ainda com os quadris empinados.

As mãos de Edward escorregaram pelas costas de Isabella. Uma das mãos da menina passou pela perna do jovem. Ele se enterrou com força dentro dela, um, duas, três, quatro, cinco vezes... ...foi então que gozou chamando o nome dela e deixando o corpo de ambos caírem relaxados sobre a cama.
Edward tinha Isabella em seus braços, a menina dormiu tranquilamente em seu colo. Ela era perfeita, ela era linda e estava com ele, ela poderia ser filha dele, era tão jovem, mas ele não queria perdê-la, ele não poderia, não queria, e não iria...

CONTÍNUA...

17 comentários:

  1. ADOREI, AMEI! Eles são tão quentes juntos God! O James...devia era morrer mesmo...e a Nessie já estava na hora de mudar de atitude!
    Ficar sem mesada..isso é que era!!!

    ResponderExcluir
  2. Lindo cap. A Nessie é uma tremenda idiota tratando seu pai desse jeito. E a Bella sempre encobrindo as besteiras dela. TA na hora de enfiar esse nariz empinado no buraco. E esse james tem que pastar tb. A Rose e o Carlisle tb deveriam pagar com a língua. To ansiosa pelo próximo cap. Por favor não demora pra postar porque eu fico roendo minhas unhas. Bjs

    ResponderExcluir
  3. ownn... se casem de uma vez!! Nessei babaca como sempre.. eu q achei q ela fossa crescer com aquela historia com o James... esse ai ta de rolo com a Rose (vaca).. sera q ela sabe (ou liga) pro que ele fez com a Nessie?!?!?!
    ansiosa por mais!!!!!!!! *.*
    PS: FELIZ DIA DO ESCRITOR!!!

    ResponderExcluir
  4. I love so much!!
    Thank you for history and everthing!!


    Eu amei tanto!!
    Obrigado pela história e tudo!!


    Kisses

    ASS:ANÔNIMA

    ResponderExcluir
  5. que FDP tomara que ele se ferre esse james viu

    ResponderExcluir
  6. Coitada da Bella.
    Esse James é um idiota, tomara que ele, a Rose, o Emmett, o Carlisle, a Victória se ferrem bonito.
    Amei!!! Please more.....

    ResponderExcluir
  7. PQP . Fica cada vez mais dificil . Quando é que esse povo vai começar a se ferrar ? Está mais que na hora da Bella para de ajudar a Nessie, até por que ela não merece e deve passar por algo grave tipo , sofrer um acidente ou ficar doente e descobrir que não e filha do Ed, para aprender a valorizar quem sempre esteve ao seu lado e perceber que a mamãezinha dela não passa de uma vadia.

    Eu espero que a Bella conte ao Ed oque aconteceu com o james e mostre as fotos, pois, eles ja passam por coisas demais para haver discórdia entre eles.

    Seria bem legal o Emmet começar a senti falta da Bella, é muito estranho este Emm.

    A fic esta ótima parabens.

    ResponderExcluir
  8. Omg amo esses dois lindos adoro a maneira q eles fazem amor. Queria muito q o james queimace no marmore do inferno junto vom rose e victoria. e a nesse deveria valorisa mais o pai. O emmett nao vai dereter essa pedra de gelo no coraçao.amo amo de paixao essa fic

    ResponderExcluir
  9. A fic tá cada vez melhor! Continua!

    ResponderExcluir
  10. Adoro a fic so acho que falta um pouco de amor familiar.a bella nao senti falta do pai dela.E esse emmet ta esquisito.

    ResponderExcluir
  11. Amei como sempre, mas ansiosa para ver algum desses cretinos se ferrando, a Rose, o Emmet, o Carlisle, pode ser qualquer um só pra sentir um gostinho de vingança vai. Bjos!!!

    Deyse

    ResponderExcluir
  12. Olá JuL M!
    Como sempre o capítulo estava perfeito. Tem que confessar que não vejo a hora dessa puta da Rose se ferrar, juntamente com o James & Cia!
    O pai do Edward vai ter que morder a língua quando descobrir a grande puta que a Rose é, e que nem filha do Edward a Nessie é!
    Gostaria de dar um sugestão: Que tal um capítulo com o Edward e a Bellinha fazendo uma espanhola? Ainda não li ele dando atenção aos seios de sua ninfeta.

    Mil Bjs!

    ResponderExcluir
  13. Ameei o capitulo for e a sugestão da Vânia M. R. Nascimento tbm haha
    quero espanhola e maais haha
    Ansiosa por mais...
    beijos
    lalac

    ResponderExcluir
  14. Voltei para lhe dar um incentivo, a escolha de aceita-lo é sua...

    “NÃO IMPORTA AQUILO QUE OS OUTROS PENSAM OU VÃO PENSAR, IMPORTA AQUILO QUE VOCÊ PENSA, O QUE SENTE...“

    Sei que as vezes pela falta de consideração das pessoas ao nosso redor nos deixa para baixo, nos faz querer desistir, mas se desistirmos o que seremos?
    Perdedore?!
    NÃO!!
    Seremos campeões, teremos perseverança para continuar mesmo que as pessoas não liguem ou não deem a atenção merecida por nosso trabalho!
    E sabe por que iremos continuar?!
    Por que somos gurreiras VOCÊ É UMA GUERREIRA, e guerreiras sempre recebem merecimento seja tarde seja cedo, o merecimento sempre chega...



    BJS...


    ASS:ANÔNIMA

    ResponderExcluir
  15. Bella divou legal com essa ameaça ao James, mas eu acho que ela tinha que falar com o Edward sobre isso já para eles ficarem previnidos, mas ainda ter falado para mandar lembranças a Rose foi 10 õ/ Bella divando sempre.. Da Nessie eu nem comento mais nada gosta de ser burra, chata e tapada, eu gostei foi do dia que o Jacob deu um pé na bunda dela, pena que ele voltou rapido pq ela nao ta merecendo ter um namorado e fodas boas com ele u.u, agora quem sempre merece, mas merecia tomar umas palmadas tambem era a Bella, poxa vida mulher tendo um Edward desses e ter q se cuidar sozinha o.O sorte que logo o rei da coisa boa chegou pondo ordem no barraco e mostrando como as coisas funcionam entre eles.. Pontinhos para o Edward também.. E agora esperar o desenrolar da história, até o próximo, Beijos Kah.

    ResponderExcluir
  16. Queria mandar o James para o quinto dos infernos!!!!
    Só falta o Carlisle odiar o relacionamento deles, porque secretamente ele traiu Esme com alguém tão jovem e acabou ficando a ver navios...
    E, no caso da Rose, VAI PARA UM SANATÓRIO se tratar minha filha! Nem todo mundo vai beijar o chão que você pisa - traduzindo: espero que o Emmett ensine uma lição ETERNA pra ela.

    Jul M, adoro tudo que você posta

    Mil beijos

    Gabe*

    ResponderExcluir
  17. postar logo o capitulo que os cullens(todos) descobrem que a rose é uma vaca que a nessie não é filha do edward, e que a rose é uma puta, continuaaaa

    ResponderExcluir