Jul M

Oi

quarta-feira, 5 de março de 2014

Em Maus Lencois!-- Cap 19

QUEM ESTÁ ENGANADO QUEM?

O caso extraconjugal de Edward já não era tão secreto assim, já que o seu pai sabia do fato. O seu casamento estava com os dias contados e Rose parecia não perceber isso, melhor ainda, ela nem sequer parecia se importar com o rumo de sua união com Edward. A semana foi se arrastando e era impossível conter o furor dos dois. Edward se encontrava com Isabella todas as tarde no pequeno apartamento que o Escritor locou para manter os seus encontros. Ele buscava a menina após as aulas e a levava para o ninho de amor dos dois.
Nessie passava pouco tempo em casa, logo Edward não tinha muito com o que se preocupar. Rose andava trabalhando bem mais do que o necessária e pouco notava as ausências continuas do marido, ela chegava, ele já estava dormindo. Edward saia pela manhã e Rose ainda dormia e desse jeito foi se passando o tempo.
-- O que vai fazer hoje noite? - Edward perguntou para Isabella ao celular.
-- Nada! - Ela disse — O meu pai vai sair com os amigos, vou ficar em casa sozinha e carente! - Ela fez chame no final.
-- Quer companhia? - Ele perguntou já rindo, ele já jogava o mesmo jogo que a menina e não via mais motivo para fugir daquilo, ele estava envolvido com Isabella até o seu último sopro de ar.
-- Está se convidando para passar a noite aqui comigo?- Ela provocou.
-- Na verdade não! - Ele disse — Eu estou me convidando para trepar com você a noite toda! - Isabella soltou um gemido afetado do outro lado da linha.
-- Sr. Cullen que linguajar é este? - Ela sorriu — Você não era assim e até brigava comigo quando eu usava esse tipo de palavreado.
-- Você é uma péssima influência mocinha! - Ele disse sorrindo — Agora me responda, quer ou não quer a minha companhia?
-- Ainda há dúvidas quanto a isso? - Ela riu — Eu deixarei a porta dos fundos aberta. Você já sabe onde fica o meu quarto, não é mesmo?
-- À meia noite estarei aí!
Edward não esperou uma resposta, ele apenas desligou, já não era mais Isabella quem ditava as ordens naquele relacionamento, agora era ele que tinha as rédeas... Ele estava completamente envolvido e a adolescente estava totalmente apaixonada pelo homem.
.....................
Edward entrou pelos fundos da casa sem ser notado, ele caminhou lentamente para sala de visitas que estava escura. Ele havia visto quando o Sr. Swan saíra de casa alguns minutos antes. Ele sabia que a menina estava sozinha naquele momento. Bella sempre passava muito tempo sozinha ou pelo menos, era assim, antes dele... Ele subiu a escada indo em direção ao quarto da menina, o corredor tinha pouca iluminação, mas havia luz acesa no quarto de Isabella o que indicava que ela estivesse acordada, e mesmo que ela não estivesse ele acordaria a amante... Edward abriu a porta e ficou surpreso com o que encontrou.
-- Olá Sr. Cullen!
Edward engoliu em seco, mas manteve o seu olhar fixo em Isabella. A menina estava sentada em sua cama, trajando uma saia rosada de bailarina, um blusa branca que deixava a sua barriga a mostra, meias brancas até os joelhos e um par de tênis rosado.

 Isabella segurava os pés em borboleta, porém logo em seguida, abriu as pernas, cobrindo com as mãos a buceta que estava abrigada por uma quase transparente calcinha branca.
-- Procurando por algo? - A ninfeta perguntou maliciosa.
Isabella girou na cama ficando de quatro, com a bunda virada bem de frente para Edward, levantando a saia rosada, a menina passou as mãos pela bunda e mordeu os lábios de uma maneira bem safada...

-- Acho que já achei! - Ele disse abrindo a camisa e caminhando em direção a sua menina.
Edward puxou Isabella, fazendo ela se deitar completamente na cama, agarrou a calcinha dela que logo virou trapo atirado ao chão. As pernas da menina foram abertas e a cabeça de Edward foi parar no meio delas.

 O ruivo chupou a buceta da menina com gosto, fazendo-a gemer de prazer, a língua do rapaz a provocou ao máximo. Como sempre, Isabella usou as palavras chulas de costume durante o ato, todavia Edward já não se importava mais com aquilo.
As roupas de Edward desapareceram, mas as de Isabella permaneceram no corpo dela. Edward disse ao ouvido dela que iria comê-la daquele jeitinho. A menina estava sentada em cima de Edward, o pau dele se afundava com vontade dentro da buceta molhada dela, fazendo com que ela gemesse e rebolasse os quadris, de um jeito em que o pau do rapaz era cada vez mais engolido pela buceta da morena. Edward movimentava os quadris fortemente, dando várias investidas, que faziam com que o pau dele atingisse a cavidade dela bem no fundo.

Edward girou na cama, ficando por trás de Isabella, uma das pernas da menina estava presa em volta do braço do homem, em uma posição meio que de conchinha. Edward passou a comer e meter na menina com mais vontade ainda.

Isabella gemia e implorava por mais dele, a cada nova investida do homem, ela gemia mais alto. Edward chupou e mordeu a ponta da orelha esquerda da menina, Isabella por sua vez, chupava com vontade os dedos de Edward.
Uma das mãos de Edward segurava Isabella pelo pescoço, já a outra estava apoiada na barriga da garota, o ajudando em seus movimentos. As pernas dela estavam bem abertas e a menina conseguia ver o pau de Edward entrando e saindo de sua buceta aperta.

 Edward metia com força e com cobiça, a buceta de Isabella estava o apertando a cada nova investida, o corpo da menina já pregava em suor e o quarto estava empestado pelo perfume do sexo... Isabella jogou a cabeça para trás quando gritou gozando no pau de Edward, que ainda investiu mais algumas vezes dentro da buceta dela...
Quando ele estava quase lá, ele tirou o seu pau de dentro da menina. Edward ficou por cima de Isabella com o pau na altura da boca dela, então, ele gozou na boca dela, derramando um pouco de seu sémen, no colo e pescoço da amante.

 Isabella tinha os olhos fixos em Edward quando passou a língua pela cabeça do pau dele e o mordeu levemente, antes de dar uma grande chupada o deixando limpo por completo...
..................................
Rose estava sentada em cima de Emmett movimentando os seus quadris, o montando por completo, fazendo a sua buceta engolir cada centímetro do pau do homem bem dotado. Eles estavam mais uma vez trancados no apartamento do médico, a mulher gemia feito uma cadela no cio.

Emmett mudou de posição, colocando Rose de quatro sobre o sofá onde eles trepavam. O jovem metia com força dentro da buceta dela, uma mão dele segurava a cintura de Rose e a outra trabalhava no buraco do ânus da loira. Emmett enfiava dois dedos dentro do rabo da loira, que gemia cada vez que ele se enterrava dentro dela.

Emmett segurava Rose pelos cabelos, à outra mão, segurava a cintura dela, ele enfiava com força dentro dela, a fudendo com vontade, a bela loira somente gemia pedindo por mais e mais do médico que atendia com prazer aos pedidos da loira deslumbrante.

Emmett retirou o seu membro duro da buceta encharcada de Rose para colocar no rabo da loira, no começou os seus movimentos eram contidos, para que ela se acostumasse com a invasão do grandão, mas depois os movimentos, passaram a ser mais precisos, rápidos, urgentes...

 A loira nunca decepcionava o grandão, ela gemia e implorava por mais e mais dele, e claro, que ele não deixava a desejar. Emmett achava Rose perfeita para ele, Rose topava tudo, não importava qual fosse à posição, se era sexo anal o ou não, ela sempre aceitava e Emmett gostava daquilo nela, do modo como ela sempre estava aberta a novidades e outras possibilidades...
Emmett mudou de posição novamente, ele estava sentando no sofá, o seu pau entrava e saia do rabo de Rose, as pernas da loira estavam abertas, Emmett segurava um dos pés da loira, ela estava apoiado sobre uma das coxas do homem, ele não parou de meter um segundo sequer, até que Rose gozou gritando o nome dele, mais algumas investidas e ele gozou enchendo o rabo da loira com o seu gozo.

Rose era uma amante perfeita, era o que Emmett procurava há tempos sem nunca ter obtido sucesso, contudo, por ironia ou não do destino, ele encontrou nela o que desejava e seria difícil querer soltá-la agora...
.............................
Isabella estava deitada no braço do sofá, as roupas de Edward estavam caídas no chão da sala. A menina não valia nada... Isabella o provocou o suficiente para que ele perdesse a cabeça, de novo, por completo...
Edward já estava pronto para ir embora, já era tarde e Isabella não saberia dizer se Emmett iria vir dormir em casa ou não. Geralmente, o Sr. Swan não voltava para dormir em casa, mas eles não podiam dar sorte ao acaso. Todavia, como sempre, ela conseguiu fazer com que o Escritor perdesse a cabeça e naquele momento estavam os dois nus na sala. Edward estava atrás de Isabella, o seu pau mergulhava com vontade dentro do rabo da menina. As mãos de Edward seguravam com firmeza a cintura da garota, ela gemia de prazer e implorava para ele metesse com mais força.

-- Oh! Me fode Senhor Cullen! - Ela gritava.
A buceta de Isabella estava vermelha e Edward sabia que ela ficaria dolorida no dia seguinte, por isso, ele fez a escolha de comer o doce e apertado rabo da menina. O seu pau se afundava com perfeição dentro daquele lugar apertado e quase intocado. Isabella parecia delirar com os movimentos dos quadris do homem que a comia insaciavelmente.

As mãos de Edward estavam na bunda da menina e os seus movimentos eram cada vez mais fortes e mais precisos, os gemidos de Isabella era tão altos que seria possível se ouvir lá do lado de fora.
-- Oh mais forte Sr. Cullen! Me faz gozar!
A menina sempre o provoca, não importava qual fosse à situação, Isabella sempre achava um jeito de fazer o homem perder o rumo com ela. Edward segurava a cintura da menina e apertava a bunda dela ao mesmo tempo em que Isabella dizia, sussurrava, gritava coisas que aumentavam o tesão dos dois.


-- Me fode gostoso Sr. Cullen! – Ela gemia - Aaaah! A minha buceta quer o seu pau! – Ela provocava - Me faça gozar Sr. Cullen! – Ela instigava - Ooooh Sr. Cullen, me faça a sua putinha!
As coisas mais insanas saiam da boca de Isabella, na hora do ato sexual. Nesses momentos, ela era abusada em seu vocabulário chulo, pois ela sabia que aquilo deixava Edward mais excitado. A menina sabia que se bancasse um verdadeira ninfeta na cama, Edward ficava com muito mais tesão por ela e ambos saiam lucrando.

 Algumas investidas a mais e Isabella gozou melando o braço do sofá. Edward não se fez de rogado e gozou em seguida dentro do rabo dela.
...................
-- Você precisa parar de me provocar daquele jeito Isabella! Tenho medo de te machucar... - Edward diz já vestido — Além disso, o seu pai poderia chegar a qualquer momento...
-- Papai não vai dormir em casa! - Ela provoca segura de si.
-- Não importa! - Ele contesta — Esse tipo de provocação não será mais aceitável quando estivemos em sua casa ou na minha. Em nosso apartamento é outra história! Lá poderemos fazer o que quisermos...
-- Como se você não tivesse gostado! - Ela provoca mais um pouco.
-- Sim, eu gostei! - Ele diz a puxando para os seus braços, ela vestia um camisão que provavelmente fosse do pai dela - Mas não repita isso de novo, ainda mais correndo ao risco de alguém chegar ou de você se machucar...
-- Tudo bem! - Ela diz sorrindo.
-- Vejo você amanhã! - Ele diz e a beija com carinho — Te pego na saída da aula!

-- Tá bom! - Ela sorri — Boa noite Sr. Cullen!
-- Vá para cama Bella!
.................
O sol nascia forte no céu de Forks. Naquele dia, Isabella almoçara com Nessie e Jacob, ambos pareciam nem se importar com a presença dela. Isabella ficou apenas observando a amiga com o seu melhor amigo, era tudo bem diferente... Eles não tinham que se esconder, o casal andava de mãos dadas, se beijava em público e se abraçava em qualquer lugar. Jacob era sempre atencioso com a namorada. Ele não era muito diferente de Edward para com ela, o Escritor sempre lhe dava a devida atenção, ele nunca fora grosso com ela... Mas eles não poderiam andar de mãos dadas nas ruas, e nem se beijar em público... Ele era casado e ela, bem, ela era a melhor amiga da filha dele.
Quando as aulas acabaram, Nessie chamou Isabella para passear pelo shopping, todos eles estavam indo, e quando Nessie disse todos, isso incluía Victoria e a sua corja.
-- Lamento boneca! - Isabella disse rindo — Mas eu já tenho planos!
-- Você já nem sai mais com a gente! - Nessie reclamou fazendo bico.
-- Como se você ligasse mesmo! Quando está com Jacob, você não se lembra de mais ninguém! - Isabella disse — E além do mais, eu não gosto de ser “vela”.
-- Você poderia aproveita para paquerar um pouco! - Nessie disse dando ideias — Qual é Bella? James não é o único homem na face da terra.
Isabella mordeu os lábios para não rir da amiga, Nessie nem imagina quem era o homem que ela andava desejando, por quem ela estava completamente perdida e envolvida.
-- Por esse motivo... - Isabella disse — Eu me recuso a sair com ele e a sua corja — Isabella saiu em direção à parada de ônibus
-- Cadê o seu carro? - Nessie perguntou, já havia alguns dias que Isabella não ia de carro para Escola.
-- Foi confiscado até que eu melhore as minhas notas! - Isabella mentiu — Até amanhã Nessie.
............................
Isabella entrou no carro de Edward, o volvo tinha vidros negros como a noite, ninguém, do lado de fora, conseguia ver quem estivesse do lado de dentro, era tudo que eles precisavam, um pouco mais de privacidade.
-- Como foi à aula? - Edward perguntou indo em direção ao apartamento.
-- Chata! - Ela disse.
-- Já sabe para qual Faculdade vai?
-- Ainda não! - Ela respondeu — Ainda estou analisando as minhas opções, mas pretendo escolher um Curso para a Universidade da Transilvânia, gosto das Faculdades de lá.
-- Uma ótima escolha!
-- Nessie me chamou para sair com a turma hoje! - Isabella disse e Edward olhou para ela rapidamente.
-- Era só ter me ligado! - Edward pareceu confuso — Você não tem que se prender por minha causa, apenas me avise quando os planos mudarem!
-- Eu não queria ir! - Ela disse firme — Eu gosto de estar com você! E além do mais, James estaria lá com Victoria, não seria algo agradável de se ver.
-- Qual e seu problema com esse rapaz?
-- Ele é o meu ex! - Ela disse olhando pela janela.
-- E ainda gosta dela? - Ele quis saber.
-- Não! Apenas não gosto de estar no mesmo lugar em que ele esteja.
-- O que aconteceu Isabella? Por que você evita tanto esse rapaz?
-- Eu não quero falar sobre isso! - Ela disse assisada — E se você insistir, eu desço do carro.
Edward não disse mais nada, apenas manobrou o carro entrando na garagem do prédio. Isabella saltou do carro indo direto para o elevador, Edward veio mais atrás. Ambos pararam lado a lado no elevador vazio, o silêncio era desconfortável e torturante entre eles.
......................
Emmett caminhava pelos corredores do Hospital, ele estava à procura de Rose, que deveria estar perdida entre os vários andares do prédio, quando finalmente a achou, ela estava atendendo a um paciente em um dos quarto, ele esperou a loira terminar o atendimento. Ela já se dirigia a outra ala da Casa de Saúde, quando ele a impediu de passar.
-- O que vai fazer hoje à noite?
-- Vou para casa! - Ela responde.
-- Saia comigo?
-- Emmett, eu não posso! – Ela tenta explicar — Eu passei praticamente o mês passado todo com você. Nunca mais jantei em casa. Quando chego Edward não está e quando ele chega, eu não estou. Eu tenho uma vida lá fora, sabia?
-- Você tem? - Emmett diz com sarcasmos — O que você tem é um casamento falido, e ainda por cima, acha que isso é vida?
-- Me solta! - Ela disse com raiva, Emmett segurava a loira pelo braço.
-- Eu vou estar no meu apartamento até a meia noite, se você não for, considere tudo acabado! – Emmett ameaçou e saiu.
Rose ficou chocada com a atitude do médico, tanto que ela não notou que do outro lado estava Carlisle, olhando tudo de longe, sem entender o que se passou naquela conversa entre a sua nora e um dos médicos residentes. Ele percebeu que não era algo grave, mas os ânimos de ambos estavam fora de controle, e o médico sentiu que ali havia mais do que uma simples discussão de trabalho...

CONTÍNUA...

13 comentários:

  1. muito bom, gostaria de saber se a bella gosta do James ou é alguma coisa que ele fez. por esse motivo ela nunca gosta de esta no mesmo lugar q ele. espero que isso não descarrile uma discursão entre os dois

    ResponderExcluir
  2. Não entendo porque a Rose não larga o osso, quer dizer Edward,já que nunca gostou dele,mas como ela é uma vadia, vai saber....Adoro Edward tomando as rédeas das coisas.Muito bom o capítulo!!!! Bjs

    ResponderExcluir
  3. o q sera q o James aprontou?!?!
    axo que ja ta na hora do Edward pedir o divorcio e eles se assumirem de vez...
    PS: Quando vai ter capitulo novo de O Casamento???

    ResponderExcluir
  4. muito bom. Parabéns

    ResponderExcluir
  5. Amei, ansiosa por mais, senti saudade!!!

    ResponderExcluir
  6. Qual o mistério entre James e Bella, curiosa.

    ResponderExcluir
  7. Eu acho que a verdade pode vir a tona logo e todos virarem uma familia feliz, comprar uma casa maior, colocar o Edward e a Bella, a Rose e o Emmett, até a Nessie e o Jake para morarem todos juntos e todo mundo ser feliz cada um com o seu casal, nesse caso nao precisa nem revelar que a Nessie não é filha do Edward, deixa só as traições virem a tona e todo mundo se arrumar com quem queira, simples rapido e facil.. É obvio que isso não vai acontecer, porém eu acho uma ótima ideia XD kkkkkkkkkkkkkk, tirando essa brincadeira esses 4 nao tem a minima vergonha na cara fala sério andam fazendo e acontecendo e depois querem continuar mantendo toda a safadeza na encolha aiai. Mas o que me preocupou foi esse mistério entre o James e a Bella, o que raios ele fez pra ela? Só espero que nao seja nada de grave, ou se nao o James receberá a visitinha do nosso gato gostoso do Edward para lhe ensinar uma lição.. Espero ansiosa por mais beijos Kah.

    ResponderExcluir
  8. Opaaaaa já to vendo o circo pegar fogo, uhuuuuuu kkkkk
    Amneeeei o capítulo, ansiosissima para o outro!!! Eu acho que deveria tudo começar a vir a tona agira, mas como a guria ali de cima disse todos no final irem morar juntos e se derem bem, hahahah beijao

    ResponderExcluir
  9. Apesar da Rose ser uma mau caráter , eu gosto. E ela e o Emmett fazem um casal tão fofo kkk Por favor , faz eles ficarem juntos *_* A Rose não pode deixar de ir no apartamento t_t kkk Estranho esse relacionamento que a Bella teve com o James. O Edward tem logo que se separar da Rose , não só pra ela ficar com emm , maas por conta da Bellz, tipo, ela não vai aceitar ser a Amante pra sempre. Estou ansiosa pelos próximos capítulos *_*

    ResponderExcluir
  10. menina que calor ufa!!!!!
    nao vejo a hora de rose ser desmascarada rsrsrsr
    vc como sempre e ddddd +++++++++
    beijocas adriane

    ResponderExcluir
  11. menina q o negocio tá quente pros dois lados eim?!
    Gente do como esse povo tá fogoso né! kkkkkkkk
    bjs more e até o próximo. 8-@@@@
    Att: Dani

    ResponderExcluir
  12. Esta cada vez melhor parabéns....

    ResponderExcluir