Jul M

Oi

domingo, 28 de abril de 2013

O Casamento O Novo Contrato -- Capitulo 22



"Essa é a coisa engraçada sobre a verdade... Ela geralmente aparece."( Frase do filme querido John)


SUSPEITO...

O corpo de Isabella estava suado, suas mãos puxavam com força os lençóis da cama. Seus gemidos eram altos, mas não o suficiente para acordar Tony que dormia no quarto ao final do corredor. A boca de Edward já a tinha torturado de todas as maneiras possíveis. Começando pelo seu pescoço, passando por seus belos seios e descendo para a sua barriga, até se acomodar no meio de suas pernas, local que deixava a jovem completamente nas nuvens. 

O grito de Bella foi de puro prazer quando atingiu o seu êxtase, ficando o seu corpo mole sobre cama... Ela ainda conseguia sentir a respiração quente dele em sua boceta molhada...

-- Como sempre uma delicia! - Edward sussurra ao levantar a cabeça e chupar os seus lábios.

Bella tinha os lábios vermelhos de tanto morder, assim como também tinha o rosto corado devido ao orgasmo recente. Edward subiu com a boca dando beijos por sua barriga até chegar aos seus seios, onde deu uma leve mordida em cada um deles, até tomar a boca dela em um beijo cheio de desejo. Com cuidado e carinho Edward afastou as pernas de Isabella, usando as suas próprias pernas, não havia presa em nenhum de seus movimentos, Edward  apenas queria curtir o momento e era o que ele estava fazendo. Devagar e com jeito, Edward foi penetrando Bella, a fazendo gemer em sua boca por sentir todo o membro dele se alojando dentro dela. Assim que estava todo dentro dela, Edward  ficou parado, apenas sentindo o calor que emanava dali, além de ficar aproveitando a sensação que era estar dentro dela...


-- Você continua tão apertada! - Edward gemeu contra a boca de Isabella, as mãos dele subiam por todo o corpo da amada, apertando os seus seios de leve - Eu gosto assim! - Edward mordeu os lábios de Isabella e os chupou com força — Você é minha! - Disse em seu tom possessivo como sempre.


Os movimentos começaram a ganhar um ritmo mais intenso, Edward entrava e saia com força arrancando de Bella gemidos mais altos a cada nova investida, o corpo da jovem se movia de acordo com os movimentos. Em nenhum momento Edward teve a intenção de mudar a posição em que estavam... Ele continuou por cima do corpo de Isabella, se movendo com vigor, mas ao mesmo tempo com suavidade, não era sexo o que estavam fazendo, era amor...

 Edward sabia disso, ele esteve desejando isso desde a hora em que Isabella saiu de sua sala,  mais cedo. E agora eles estavam fazendo o que ele desejava, nesse momento, ele estava tomando posse do que ele já sabia que era dele, amando a única mulher que realmente conseguiu tocar o seu coração. O grito de Isabella ecoou por todo o quarto, quando o corpo todo de Isabella tremeu atingido um orgasmo forte  e pelo modo em que tremia o seu corpo, Edward teve a certeza de que a jovem devia ter alcançado orgasmos  múltiplos.

O corpo de Edward caiu para o lado na cama, ele estava suado e ofegante  a respiração dos dois estava  voltando ao normal, rapidamente Edward puxou Isabella para os seus braços, fazendo com que ela deitasse a cabeça no seu peito. Os dedos  dele passeavam pelas costas de Isabella fazendo carinho e desenhando linhas imaginarias.

-- Vou precisar viajar! - Edward diz beijando o topo da cabeça da jovem.

-- Quando? - Bella pergunta sentindo um aperto no coração.

-- Sexta feira à noite! - Edward diz — Eu vou para Toronto, a trabalho, volto domingo à noite!

-- Não quero ficar longe de você! - Bella sussurra.

Os braços de Edward apertaram ainda mais o corpo de Isabella contra o seu. Com um sorriso torto nos lábios o jovem beija os cabelos de Bella e os seus dedos passaram pelas costas nuas da jovem.

-- Você vai comigo! - Edward disse fazendo assim Isabella levantar a cabeça e olhá-lo nos olhos.

-- Como assim?

-- Eu irei à sexta feira e volto no domingo à noite. Pego você no trabalho e de lá vamos para o aeroporto.

-- Edward não pode ser assim! - Bella diz — E além do mais, existe o Tony, ele não pode ficar sozinho.

-- Tony não ficará sozinho! - Edward diz — Ele vai com a gente ou nós podemos deixá-lo com o meu pai! - Explica Edward – Jasper chega à segunda feira, acho que podemos tirar uma ou duas semanas de férias juntos com Tony. Sabe, do tipo férias em família dessa vez...

Bella tinha um sorriso doce nos lábios, por mais que proposta fosse boa, havia muitas coisas ainda. Primeiramente, Isabella trabalhava e não poderia tirar férias ainda... Segundo Tony tinha Escola e não faltaria... E por último e muito mais importante Tony tinha terapia duas vezes por semana com Stefan, não seria bom para o menino parar com o seu tratamento assim do nada.

-- Não é assim tão fácil! - Bella diz — Você sabe que eu trabalho, Tony estuda e Edward, Tony tem terapia duas vezes na semana – Edward faz um bico ao lembrar-se disso — Vamos com calma e quando formos tira férias, será algo planejado, tudo bem?

Edward revira os olhos e aperta ainda mais o corpo da jovem, dando beijos em sua testa. Sorrindo ele suspira alto e afaga suavemente a namorada.

-- Ok! Você está certa! Vamos com calma então... — Edward diz — Mas você viajará comigo na sexta feira, eu não vou sozinho para Toronto...

-- Claro! - Ela sorri e dá um beijo em seus lábios — Hora de dormir, vamos acordar cedo amanhã.

-- Você também! - Edward diz se ajeitando na cama e cobrindo os dois — Durma bem meu amor! – Ele dá um beijo nos ombros da jovem. Edward se deita na posição conchinha para que ambos dormissem sentindo um o calor do outro.
....
 Sexta feira segou com um furacão, Edward estava atolado de tarefas para fazer antes de viaja. Mary estava em sua cola, o ajudando no que podia. A jovem estava adorando a ideia de que  iria viajar com o chefe lindo. Mal sabia Mary que estava fora dessa viagem... Logo pela manhã Edward avisou Isabella que ela faria o papel de sua secretaria nessa viajem...

Flash Black On

-- Vou precisar que você tome o lugar da Mary! - Edward diz do banheiro onde estava fazendo a barba.

-- Por quê? - Bella pergunta terminando de se vestir.

-- Irei ter uma reunião no sábado pela manhã! - Edward explica — Já que Tony resolveu ficar com o meu pai esse final de semana, achei melhor dispensar a Mary e você poderia cobrir ela me ajudando, você já conhece como funciona tudo, é mais fácil e assim podemos ficar só nos dois...

-- Você vai ter que me colocar a par de tudo durante o voo! - Bella diz da porta do banheiro sorrindo para o amado que estava de frente para o espelho.

-- Será um prazer minha querida! - Piscando para ela, Edward retoma o que estava fazendo.

Flash Black Off

 Edward estava saindo da sala de reunião junto com Emmett, ele precisava pedir para Emmett fazer algo para ele enquanto estivesse fora. Ambos seguiram para a sua sala, Mary estava em sua mesa digitando  alguns contratos que Edward precisaria durante a viagem.

-- Senhorita Mary  as passagens já foram reservadas? - Perguntou  Edward parando perto da mesa da jovem.

-- Sim, Senhor Cullen! - Mary diz dando o seu melhor sorriso - Você só precisa me passar os seus dados, duas passagens já foram reservadas na primeira classe para Toronto.

-- Ótimo! - Edward diz — As passagem são no meu nome e no nome de Isabella.

 Todo o sorriso do rosto de Mary some na mesma hora. Ela não esperava que o chefe fosse levar a namorada na viagem. E agora, só agora ela conseguia ver que ela não era convidada para embarcar nesse voo...

-- Não será preciso sua presença Srta. Mary! - Edward diz — Isabella  fará o seu trabalho, ela já conhece como funciona tudo aqui na empresa, ela já trabalhou para mim.

-- Tudo bem Senhor! - Mary diz tentando se recompor —Deseja mais alguma coisa?

-- Os contratos que vou precisar nessa viagem! - Edward informa — E, por favor, faça cópias, Jasper chega à segunda feira, é bem provável que  ele venha trabalhar...

Mary apenas dá um aceno de cabeça, confirmando, depois ela vê o chefe sumir ao entrar na sala com o amigo e funcionário da empresa. Quando já se encontrava sozinha em seu espaço de trabalho, Mary soca a mesa com força fazendo alguns papeis caírem no chão.

-- Maldita Isabella! - Mary diz entre dentes.
....
 O humor de Victoria estava melhor, ela estava sorrindo e muito bem maquiada, usando suas famosas roupas justas e saltos altos que  deixavam Isabella tonta só de se imaginar encima. Com um sorriso nos lábios, ela recebeu Isabella naquela manhã, conversou como se nada tivesse acontecido, e, pelo modo em que estava feliz, percebia-se que as coisas entre ela e James deveriam estar bem, ou voltando às boas.

-- Então você estará viajando hoje! - Vic repete o que Isabella lhe havia dito – Ai que demais! Eu queria poder fazer isso! - Vic olha para Bella -  Não é todo mundo que tem um namorado podre de rico como você!

-- Não vamos exagerar Vic! - Bella diz — Só estou indo acompanhar Edward em uma viagem de trabalho, apenas isso! E será uma viagem bem rápida.

-- Mesmo assim! - Vic diz suspirando — Você tem muita sorte menina...

Bella deu de ombro, mas de fato, ela mesma achava isso, ela não conseguia entender como ela abiscoitou esse homem, mas ele era dela e ela estava completamente e perdidamente apaixonada por ele. Não havia duvidas de que tudo estava voltando ao seu lugar...
...
 Já era quase quatro da tarde quando Edward entrou em sua sala sendo seguido por Mary que vinha com as mãos cheias de documentos para chefe assinar antes da viagem.

-- Mary ligue para Isabella e diga a ela que eu vou me atrasar! - Edward diz mal sabendo ele, que essa ordem deixava Mary com uma raiva grande e que só aumentava ainda mais o seu ódio por Isabella — Por favor, faça isso agora, quando eu terminar aqui, eu mandarei chamar você.

-- Claro Senhor! - Mary diz saindo da sala.

Cinco minutos depois Emmett entra na sala do amigo sorrindo e com uma pasta preta nas mãos. Emmett se senta  e entrega a pasta para Edward.

-- Foi tudo o que eu consegui sobre Ele! - Emmett diz — Não acho que seja tão ruim assim, mas fica esperto, esse cara é muito escorregadio.

-- Ele é o chefe de Isabella! - Edward diz — Eu sei que já tinha pedido isso para você! - Edward volta a falar - Porém deixei isso de lado devido aos problemas, há algo estranho nesse cara e eu não gosto nada disso.

-- Você conhecer o James Bloom? - Emmett pergunta.

-- Eu o vi uma ou duas vezes quando fui pegar Isabella no serviço! - Edward diz — Eu não gostei nada do modo como ele fica olhando para Isabella.

-- Lion está com ela! - Emmett o lembra — Ele é tão bom quando Tyler.

-- Eu sei! Você é o melhor em selecionar seguranças! - Edward comenta e ri — Isabella ficou puta com o quartel que você montou na casa dela — Um risinho escapou dos lábios dele — Ela disse que nem o FBI conseguiria entrar naquela casa.

-- Você pediu segurança total! - Emmett replica — Foi o que eu fiz!

-- Eu sei! E fico feliz por isso! - Edward diz — Agora quero você de olho no Mike. Emmett, eu não confio nesse cara e ele tem certa obsessão por Isabella e eu não gosto nada disso...

-- Claro vou ficar de olho! - Emmett diz — Também tem algo nele que não me agrada em nada.

-- Você não é o único! - Edward diz — Eu não sei o porquê, mas tenho certeza que esse cara ainda vai ser problema.

Emmett não disse nada. Já tinha alguns dias que tinha relaxado na vigilância de Mike, ele tinha perdido ele de vista por duas vezes, fora que não dera muita importante a ele nos últimos dias.
....
Bella estava em casa terminado de arrumar Tony. Esme esperava o menino e a jovem na sala de visitas. Tony não quis viajar com os pais, ele iria para o aniversario de um amiguinho no sábado e não queria perder, sendo assim, ele preferiu ficar com os avos para poder ir à festa de sábado. Para um menino de cinco anos, Tony já era bem independente.

-- Você vai se comportar! - Bella disse terminando de fechar a camisa do filho — E vai me ligar para me contar como foi aniversario do seu amiguinho?

-- Tudo bem! - Tony disse sorrindo — Mamãe eu já sou homem!

-- Eu sei! - Ela disse sorrindo — Mas vai ser sempre o meu menino!

Isabella não resistiu e encheu o menino de beijos, cobrindo todo o seu rostinho e o fazendo rir.

-- Mamãe pare! - Tony dizia entre risos — Será só um final de semana e eu vou ficar bem com a vovó.

-- Eu sei meu amor! Mas não me culpe, sempre vai ser assim! - Bella disse sentindo vontade de chorar — A mamãe te ama muito viu? Não se esqueça disso nunca.

-- Eu sei! - Tony disse — Também te amo mamãe!

Dizendo isso Tony abraçou Isabella  que retribuiu o abraço com força, eles ficaram assim por algum tempo, até que Isabella desceu com ele para sala de visitas levando junto uma pequena mala do menino.

-- Coloquei todas as vitaminas dele na bolsa Esme! - Bella diz — Por favor, qualquer coisa me liga e eu voltarei na mesma hora! - Ela replica preocupada.

-- Pode deixar Bella! - Esme diz sorrindo — E não se preocupe, nós cuidaremos muito bem dele.

-- Eu sei! - Ela diz com uma carinha de choro.

-- Eu sei! É impossível não ficar assim! - Esme diz – Eles sempre serão os nossos menininhos, não importa a idade que tenham...
-- É verdade! - Bella confirma.

Bella não sabia o porquê de Esme dizer isso, sempre rolou um comentário de que a jovem Sra. Cullen não poderia ter filhos, mas ela achava que era o instinto de mãe, todas as mulheres nasciam com esse instinto ou pelo menos quase todas...

-- Vejo você domingo! - Bella disse beijando mais uma vez Tony - E se comporte!

-- Eu vou ficar bem mamãe! - Tony sorri — Vamos vovó, vamos o vovô já deve estar nos esperando.

-- Até domingo Bella! - Esme disse — Boa viagem querida e pode deixar que eu irei ligar, caso seja necessário.

-- Obrigada Esme!

Bella ficou assistindo da porta Tony entrando no carro e depois o carro partir. Soltando um suspiro bem alto, a jovem fechou a porta e subiu para o quarto, pois ela ainda precisava arrumar as malas e tomar um banho para esperar Edward.
....

Bella estava sentada esperando Edward na sala quando a porta fora aberta e Edward entrou todo ensanguentado... A primeira vista Bella ficou espantada, mas logo correu para ajudar o namorado, ela estava em pânico com medo de que o jovem estivesse gravemente ferido.

-- Edward  o que foi isso? - Bella perguntou.

-- Não foi nada! - Edward disse — Foi apenas um acidente!

-- Você está todo sujo de sangue! - Bella relatava — Oh meu Deus, você se machucou! - Ela disse vendo um corte em seu braço esquerdo e depois em sua mão — O que aconteceu Edward?

-- Bella amor, eu prometo que conto tudo para você! - Edward afirma — Porém será no  avião, precisamos nos apressar ou vamos perder o voo! - Edward a beija na testa e caminha para as escadas — Não precisa ficar preocupada amor, tudo já foi resolvido e eu estou bem, eu juro.

Bella ficou olhando Edward caminhar em direção ao quarto no andar de cima para tomar um banho. Ele estava machucado e sujo de  sangue  e ainda esperava que ela não se preocupasse? Ele estava pedindo muito para uma mulher apaixonada.

Continua...

2 comentários: