Jul M

Oi

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

O Casamento -- O Novo Contrato-- Capitulo 14



Você enfeitiçou meu corpo e minha alma, eu te amo, te amo, te amo!” – Orgulho e Preconceito, 2005


PRIMEIRO EU TE AMO!

A semana se arrastou, Isabella estava grata por sexta-feira ter finalmente chegado. Sentiu-se tentada a perguntar a Vic sobre o relacionamento da jovem com o chefe, mas achou melhor deixar como estava. À amiga estava radiante, sorridente e bem divertida. Não se esqueceu, porém, da fala da amiga  ao lhe aconselhar para que tomasse cuidado com James. Agora aquele seu comentário fazia sentindo, mas ainda não explicava o que aconteceu com ela em  dias passados, aqueles dias em que ela estava estranha.

-- Então! - Vic chegou perto — O que vai fazer no final de semana?

-- Vou sair! - Bella disse dando um sorriso largo — Quer dizer, amanhã eu vou sair.

-- Com o namorado gostosão? - Vic perguntou dando um sorriso safado.

-- Sim com o meu namorado! - Bella sentiu o rosto corar — E você, o que vai fazer?

-- Sair com alguns amigos! - Disse Vic não entrando em detalhes.

 Bella deu um sorriso para amiga e voltaram ao trabalho.

....
Na empresa não se falava em outra coisa a não ser a  inauguração da nova boate. Claro que todos sabiam, afinal fora o próprio Edward quem trabalhou na campanha de  divulgação, era mais um projeto da empresa Cullen.

-- Bella vai? - Emmett perguntou curioso quando ele e o amigo estavam indo para o elevador a caminho de casa, o dia mais uma vez chegava ao fim.

-- Meio a contra gosto, mas vai! - Edward respondeu — Ela não gostou muito da ideia! – Acrescentou o rapaz — Eu até entendo isso, é praticamente impossível manter Bella longe de todos esses idiotas.

-- Boa noite Mary! - Emmett disse ao ver a jovem esperando o elevador reservado para os  funcionários.

-- Boa noite Emmett! - Ela sorri! Mary escutou a conversa deles, ela também iria para aquela festa e estava na esperança de encontrar o chefe por lá.
....
Bella encontrou Edward a sua espera, ele estava do lado de fora do carro junto a Anthony. O menino logo correu em direção à mãe quando a viu saindo do trabalho. Claro que ela não conseguiu esconder o sorriso bobo ao ver o filhote lhe esperando.

-- Mamãe! - O menino correu sorrindo.

---Oi meu amor! - Ela beijou a bochecha rosadinha do filho, entre sorrisos, eles caminharam em direção a Edward — Olá papai! - Ela brincou pegando Edward de surpresa com um doce beijo na face do maior.

-- Olá mamãe! - Ele respondeu com os olhos brilhando, tudo era novo para ele, mas a sensação de felicidade era boa e agradável de sentir — Vamos para a sua casa hoje! - Edward comunica — Quer dizer, oplano é ficar na sua casa o final de semana todo, se você concordar é claro!

-- Você está brincando?  - Isabella assentiu radiante — Claro que concordo, vou adora isso!

-- Então vamos! - Edward disse segurando a porta enquanto Bella entrava junto com Tony.
...
 Tony estava na cama dormindo, já era quase meia noite, ele brincou a noite toda,  por assim dizer. O menino parecia tão feliz, assim como Isabella que estava radiosa por estar com ele.

-- Ele anda mais animado! - Isabella comentou ao se juntar a Edward na sala de estar.

-- A terapia está fazendo bem a ele! - Edward pondera — Seu segurança chega à próxima segunda-feira!

 Isabella deu um sorriso e encolheu os ombros, não havia como argumentar com Edward sobre isso.

-- Vamos dormir! - Edward disse fechando seu notebook — Amanhã será um longo dia.

-- Vamos! - Bella anuiu.

 No quarto, Edward estava no banheiro enquanto Bella vestia sua camisola.  Parecia algo normal, uma família normal, se não fosse os tantos problemas que os cercavam.

-- Tony vai fica com quem amanhã? - Bella perguntou puxando a coberta.

-- Meu Sue! - Edward já caminhava para fora do banheiro — Ela ficará com Tony enquanto vamos à festa.

-- Não vamos demorar muito lá, não é? - Bella pergunta ansiosa.

--  Só o tempo necessário para cumprimentar os amigos e nos divertir um pouco! - Edward articula – Bella! Amor, vou estar ao seu lado o tempo todo!

-- Eu sei Edward! - Ela assentiu fazendo beicinho com os lábios vermelhos.

-- Não faça beicinho querida! - Disse manhoso — Desse jeito fica difícil de resistir! - Edward morde os lábios dela — Você é uma tentação para mim!

Bella solta um gemido e em questão de segundos ambos estão embolados um ao outro, suas roupas ficando perdidas pelo chão do quarto. Para logo em seguida o ranger da cama deixar claro que os corpos de ambos se mexiam em perfeita sincronia.

....

  O tempo passou rápido, Edward passou o dia preso no seu escritório resolvendo pepinos do trabalho. Bella aproveitou para arrumar algumas coisas em casa e cuidar de Tony que parecia elétrico naquela manhã. O menino deu um baita trabalho, mas ainda assim fora prazeroso para Isabella... No final do dia Sue chegou à casa da menina para ficar tomando conta do Tony naquela noite já que pais dele iriam à festa também como Edward mesmo já havia avisado a Isabella.

-- Sue você tem o meu número! - Edward disse a senhora de idade que estava sorrindo para ele — Qualquer coisa me liga, estarei com o celular ligado.

-- Menino não é a primeira vez que fico com Tony! - Sue comunica divertida com a preocupação do rapaz.

-- Eu sei Sue, mas não me culpe, sou pai! - Edward argumentou e a mulher sorriu.

Os passos de Isabella descendo as escadas foram ouvidos, chamando de imediato a atenção do maior para ela. Que por sinal, estava linda trajando um vestido vermelho  em rendas e com detalhes em preto. O vestido fora mais um presente do guarda roupa que Edward havia lhe dado, e mais vez, ele tinha acertado na escolha.

-- Você está linda! - Edward sussurrou encantado.

-- Você também!

O jovem usava uma camisa preta com gola em V, calças pretas e calçava um elegante par de sapatos italianos pretos também. Uma combinação perigosa e muito sexy, Isabella sabia muito bem disso porque estava ofegante só em olhar para ele.

-- Pronta para irmos? - Edward perguntou sem conseguir esconder um sorriso bobo ao tê-la ao seu lado.

-- Com certeza! - Bella afirmou dando seu melhor sorriso forçado, pois ela não estava gostando nada da ideia de ter que ir para aquela festa, ela preferia ficar em casa com Tony e depois fazer amor com o namorado...

-- Vejo você mais tarde Sue! - Bella disse dando um beijo na senhora  — Estou com o celular!

-- Tudo bem! - Sue disse.
....
Era uma casa noturna, uma boate para ser mais clara. Era linda bem planejada tudo muito bem arquitetado... As paredes eram pintadas de prata e vermelho uma combinação estranha, mas muito chamativa. Um ambiente grande e confortável. O barulho da música era alto, a casa estava lotada, afinal, era a grande estreia e parecia que ficaria cheia à noite toda. Edward segurava as mãos de Isabella enquanto andava com ela em direção à área VIP. Não pode  deixar de notar Mary e outra pessoa próximas ao bar. Ao seu lado direito estavam Irina  e uma mulher que Edward tinha a leve impressão de já tinha visto em algum lugar, apesar de não lembrar onde. Subiam as escadas que davam em direção à área VIP deixando para trás Irina e sua amiga misteriosa.

-- Você veio!

-- Eu disse que viria! - Edward disse sorrindo para Amun. 

Bella ficou surpresa ao ver que o amigo de Edward era um homem simpático e sorridente. Alguém alegre e que com certeza sabia como aproveitar a vida.

-- Bom vê-lo velho amigo! - Amun deu um forte abraço bem masculino em Edward.

--Parece que a idade alcançou você! - Edward disse provocando.

-- Mais ainda sei como seduzir as mulheres! - Amun retrucou sorrindo em direção a Bella que se mostrava tímida

-- Nem pensar! - Edward disse passando os braços em volta da cintura de Bella — Esta bela dama aqui já tem dono!

-- Quem sou eu para da em cima de mulher de amigo meu! - Amun sorriu divertido — Quem é a bela dama? Apresente-me!

-- Amun essa é Isabella! - Edward disse ao amigo — Minha namorada!

-- Então você é a mulher que roubou o coração do meu amiguinho! - Amun afirmou sorrido — É um prazer conhecer a mulher que transformou o meu amigo em um completo idiota apaixonado.

-- Não vamos exagerar! - Edward contestou sorrindo.

-- É um prazer conhecer você Amun! - Bella sussurra e aperta a mão do homem a sua frente.

-- Igualmente minha querida! É realmente bom conhecer você! - Amun anui — Jane está aqui Edward! Ela perguntou por você. Ela continua encantadora.

-- Eu sei! - Edward retruca — Emmett me disse que ela viria. Eu a vi ontem!

-- Imagino que sim! - Amun disse de um jeito que fez Isabella se sentir incomodada.

-- Edward! - Uma voz doce e angelical suou atrás de ambos — Você veio!

 Bella estava ao lado de Edward quando a jovem loira se jogou nos abraçado do rapaz o abraçando. Bella não pode deixar de notar que Edward ficou meio tenso  e deu um sorriso sem graça para Isabella.

-- Jane querida, você não morre tão cedo! - Amun falou — Estávamos falando de você agorinha há pouco.

-- Espero que bem! - Disse a loira dando um sorriso angelical — Como está você? Nossa, está tão bonito! - Jane toca na jaqueta que Edward usava por cima da camisa preta.

-- Você também está ótima Jane! E eu estou bem! Edward replica dando um sorriso que não atingiu seus olhos — Jane essa é Isabella, minha namorada!

 Jane se virou para Bella olhando-a de cima  a baixo e deu um sorriso falso e ameaçador.

-- É um prazer conhecer você querida! - Jane falou dando outro sorriso falso — Qualquer amiga de Edward é minha amiga também!

-- Espero que isso  inclua as namoradas também! - Bella retrucou devolvendo o sorriso falso e ameaçador a jovem.

-- Pode acreditar que sim querida! - Jane anui.

Isabella não saberia explicar quando aconteceu, nem em qual momento ela fora totalmente esquecida por Edward e deixada de canto, apenas o vendo sorrir com os amigos e com  a loira que praticamente se jogava em cima dele. Ela já tomava sua quinta taça de champanhe enquanto todos bebiam bebidas mais forte que isso. Edward estava mais solto, mais descontraído, mais vivo, mais ele... Uma versão que Isabella nunca tinha presenciado antes e  não poderia dizer que estava achando ruim essa nova faceta de Edward. Ela estava encantada, era bom ver ele assim tão solto. O problema era que ela estava sobrando, por mais que Edward estivesse segurando suas mãos e não as soltasse nem por um segundo sequer, ainda assim, era como se ela não estivesse à mesa! Os risos e a conversa deles eram sobre lembranças do tempo da universidade, época em que Isabella não fazia parte da vida de Edward... Jane por outro lado, sempre que possível, estava o tocando, chegando mais perto do rapaz, que parecia não notar nada do que a jovem loira fazia.

-- Preciso ir ao banheiro! - Bella comunicou puxando suas mãos seguras por Edward.

-- Não demore! - Edward sussurra soltando as mãos da moça.

Emmett dá um olhar de advertência ao amigo, este, por sua vez, apenas acena com a cabeça, não havia nada demais, ela iria apenas ao banheiro. Mas não foi bem isso, Isabella saiu em direção ao bar, em direção de algo mais forte para tomar, algo que desse a ela forças para continua ouvindo e vendo a jovem Jane se jogando em cima de seu namorado.

-- Por favor! Uma tequila! - Solicitou ao barman.
-- Tequila é uma bebida forte! - Uma voz rouca soa atrás dela.

 -- Depende de quem vai beber - Ela replica a contragosto ao ver Demitre  ao seu lado.

-- Deve ser horrível,  hein! - Demitri envenena segurando um copo com um liquido escuro dentro.

-- Do que está falando Volturi?

-- Jane! - Demitre disse com uma falsa ingenuidade — Eu acredito que você saiba que ela é uma ex-noiva de Edward!

 Isbaella perdeu voz, sua boca se abriu, mas não saiu uma só palavra, um só som.

-- Edward  e Jane se conheceram na faculdade! - Demitre continua a falar sem se importar com a reação da jovem — Eles namoraram, e noivaram. Mais Jane fugiu como todas fogem no final! - Demitre sorriu maldosamente — Acho que voltou para tentar uma nova chance com o antigo amor...

-- Qual é a vantagem que você encontra em me contar isso? - Bella perguntou não conseguindo esconder a raiva em sua voz.

-- Não me leve  a mal, mas você é boa demais para o meu querido amigo Edward! - Demitre instigou — Não se engane com aqueles olhos verdes, Edward é um ótimo sedutor!

-- E você é um ótimo filho de uma puta invejoso! - Bella cospe as palavras, pegando seu copo de tequila que o barman colocou sobre o balcão e virando-o todo de uma só vez — Não morda a sua língua Senhor Volturi, o Senhor corre o sério risco de morrer envenenado.

 Bella saiu em direção à pista, estava tocando “Toxic” da “Britney Spears”. Bella nunca fora o tipo de mulher que se acabava em pistas de dança, mas ela estava sobre o efeito do álcool e sobre o efeito da raiva. Ela sentia ódio de si mesma por não ter notado logo de cara o que estava se passando naquela mesa, não ter notado toda a intimidade que envolvia os dois. E foi na pista de danças da boate que ela começou a colocar toda a sua raiva para fora, dançando e quebrando as cadeiras de maneira que nem ela sabia ser capaz. Ela estava dançando de forma ousada o que chamava a atenção e os olhares sobre si de muitos por ali. “Toxic”, chegou ao fim, mas logo a música “Hot” de “Avril Lavigne”  em ritmo eletrônico começou a tocar. Não era a Bella doce e frágil dançando ali, era uma “outra”, uma Bella sexy e muito afoita em seus movimentos de  dança, de um jeito que nem mesmo   Edward poderia imaginar.

Jane mantinha Edward preso em sua conversa, não somente ele, mas Emmett e Amun também. Eles estavam tão envolvidos na conversa da loira que demoraram mais do que o devido para notar a falta de Isabella. Foi Emmett que lembrou a demora de Isabella no banheiro.

-- Edward! - Emmett chamou atenção do amigo — Isabella, onde está Isabella ?

 Com certa sutileza Edward tirou a mão de Jane de  cima da sua, e ficou de pé buscando em sua volta sinais de Isabella, a essa altura  a menina poderia estar em casa ou em um canto qualquer morrendo de raiva dele. Edward sabia disso, como ele pode ser tão descuidado nesse quesito, ainda mais quando prometeu não sair de seu lado um segundo sequer.

-- Edward se acalme! - Jane interferiu — Ela só foi ao banheiro!

-- Não é isso Jane! - Edward falou aguniado.

-- Eu entendo que você a está mimando demais! - Jane dizia com ironia em sua voz — Edward ela já é grandinha e com certeza sabe o caminho de casa.

-- Ela é minha namorada Jane! - Edward disse em um tom de voz mais grave, porém a loira decide ignorar esse sinal.

-- Eu sei! - Jane anuiu — E  você já teve outras e mesmo assim não se importava quando elas sumiam, até gostava, pois assim elas deixavam você livre para aproveitar a noitada. — Jane ficou de pé e caminhou em direção a Edward colocando suas mãos sobre o ombro do jovem — Relaxa e vem  aproveitar a noite, você vai se divertir bem mais sem ela por perto.

O olhar que Edward deu a Jane era de total desagrado pelo que a loira havia sugerido se possível o homem mataria a loira. Mas sabia que Jane apenas queria o convencer, na verdade, ela queria jogar com a sua sanidade e ver até onde ele poderia chegar ou quem sabe ter ele mais uma vez em sua cama.

-- Edward! - Emmett chamou — Na pista! - O jovem alto e forte apontou.

  Edward viu de longe Isabella se acabando de dançar ao som da musica  “Apologize” de “One Republic” um ritmo eletrônico muito doido, a música já estava na metade e Isabella parecia bastante suada com os cabelos molhados pelo seu próprio suor. Por algum motivo, ele a percebeu sexy e muito linda dançando descontrolada daquele jeito. Edward fechou a cara ao ver que ele não era o único a babar pela visão encantadora de Isabella e ficou puto de raiva quando outro cara chegou perto dela e começou a dançar junto a ela que pareceu não se importar muito com a presença de um estranho.

- Uau! - Amun disse sorrido — Essa garota sabe como ser o centro das atenções!

-- Um momento! - Edward disse saindo em direção às escadas, Jane tentava conter ele pelos braços, mas era tarefa impossível, ele fora mais rápido.

Isabella nem sabia com quem ela estava dançando, mas sabia que a música a estava deixando louca, assim como todo aquele jogo de luzes. Ela se sentia perdida como se estivesse caindo no mundo doMágico de Oz, ou algo desse tipo. Talvez devesse ter escutado o conselho de Demitre e não ter tomando a tequila, por algum motivo a bebida fora direta para sua cabeça, ou melhor, dizendo, para a sua veia. O último acorde da música tocou e por uma fração de segundos se fez silêncio no local, o  cara que estava dançando com ela fora parar longe, por alguma razão, que ela não saberia explicar, até sentir o aperto em seus braços e um olhar inquisitório sobre ela. Tudo aconteceu ao mesmo instante em que uma nova musica começou a tocar, uma mais lenta, mais doce e mais calma.  “Enchanted” de “Taylor Swift”
-- O que pensa que está fazendo? - Edward perguntou.
-- Que irônica essa sua pergunta! - Ela replica chateada — Não está vendo? Eu estou dançando!
-- Está chamando atenção! - Edward urra entre os dentes.
-- Oh! - Bella diz fazendo cara de surpresa — Só então notou a minha presença? Meu caro, você não precisa se preocupar, pode voltar para a mesa e ficar revivendo os velhos tempos com sua ex.

As palavras de Isabella trouxeram á tona algo que ele havia se esquecido de mencionar. Esqueceu-se de falar, esqueceu-se de comentar com a namorada. E pelo visto alguém passou a sua frente e contou a historia que ele sem querer omitiu.

(Trilha sonora – Enchanted - Taylor Swift)

Enchanted
There I was again tonight forcing laughter, faking smiles
Encantada
Lá estava eu novamente esta noite forçando o riso, fingindo sorrisos.

-- Não é bem o que você esta pensando! - Edward argumenta.
-- Eu não estou pensando nada, querido! - O sarcasmo estava em sua voz.
-- Esta sendo ridícula agora! - Comenta não gostando nada do tom de voz da jovem.
-- Ridícula eu? - Bella banca a surpresa — Eu sou apresentada a sua ex-noiva e sou ridícula! - Ela gritou, a música estava realmente alta.

Same old tired, lonely place,
Walls of insincerity,
Shifting eyes and vacancy,
Vanished when I saw your face,
All I can say is it was enchanting to meet
Mesmo velho lugar, cansado solitário.
Paredes de insinceridade
Olhares perdidos e vazios
Sumiram quando eu vi o seu rosto
Tudo o que posso dizer é que foi encantador conhece-lo

-- Me diga uma coisa! - Bella inquire — Quando iria me dizer? Antes ou depois de me deixar bancar a idiota a noite toda.
-- Jane faz parte do meu passado! - Edward diz ignorando todos em sua volta — Bella, não vamos discutir isso agora!

-- Discutir? Tem algo para ser discutido Edward?

Your eyes whispered "Have we met?"
Across the room your silhouette starts to make its way to me,
Seus olhos sussurraram "Já nos conhecemos?”.
Do outro lado da sala sua silhueta começa a fazer sentido para mim


-- Eu estou sendo feita de idiota Edward! É isso que estou vendo! - Bella professa passando as mãos pelo rosto tirando os fios de cabelos grudados ali — Volte para ela, sorria e finga que nunca me conheceu, é a melhor coisa a se fazer. Afinal você nunca se apaixonou por mim mesmo, eu sou apenas um bom negocio para você. A mãe perfeita para o seu filho...



The playful conversation starts,
Counter all your quick remarks like passing notes in secrecy,
And it was enchanting to meet you.
All I can say is I was enchanted to meet you.
A conversa brincalhona começa
Contra todas as suas observações rápidas como passar bilhetinhos.
E foi encantador conhecê-lo
Tudo que posso dizer é que eu estava encantada em conhecê-lo


-- Não é assim! - Edward argumenta — Você não sabe o que está dizendo!
-- Eu sei o que vejo! - Ela gritava para que ele pudesse a ouvir — Fiquei durante horas naquela maldita mesa, ouvindo você falar do seu passado, vendo você sorrir e ser gentil com a sua ex-noiva. A cada segundo que se passava entre os seus sorrisos e os goles de bebida eu ia ficando esquecida em um canto.

This night is sparkling,
Don't you let it go.
I'm wonderstruck, blushing all the way home,
I'll spend forever wondering if you knew,
I was enchanted to meet you
Esta noite está vibrante,
Não a deixe ir
Estou maravilhada, corando todo o caminho até em casa
Vou passar a eternidade me perguntando se você sabia
Que eu estava encantada em conhecê-lo

-- Volte para lá está perdendo seu tempo aqui comigo! - Ela gritou e girou o seu corpo voltando a se mexer de acordo com as batidas da música
-- Eu não vou a lugar nenhum! - Edward disse já com as suas mãos em volta da cintura de Isabella e seu corpo se mexendo junto ao dela em um movimento perfeito.
-- Por que estava fazendo isso? - Bella perguntou, mas não parou de dançar, ela sabia que essa poderia ser a última vez que estaria com ele assim...
-- Porque eu não quero ficar longe de você! E não vou! - Edward decretou.

The lingering question kept me up,
2am, who do you love?
I wonder 'till I'm wide awake,
Now I'm pacing back and forth,
Wishing you were at my door,
I'd open up and you would say,
Hey, it was enchanted to meet you.
All I know is I was enchanted to meet you
A pergunta persistente me manteve acordada
02:00, quem você ama?
Pergunto-me até que eu esteja bem acordada
Agora estou para lá e para cá,
Querendo você à minha porta
Eu abriria e você diria
Hey. Fiquei encantado em conhecê-la
Tudo o que sei é que eu estava encantado em conhecê-la



-- Por que faz isso Edward, por quê? - Bella perguntou! Seus olhos já estavam cheios de lágrimas — Você me encanta para depois me jogar no chão, me leva ao céu, me faz sentir segura, mas quando me solta, é como se me deixasse cair em uma queda livre que nunca acaba.

-- Eu não quero perder você Bella, já disse! - Edward voltou a afirma.

-- Não é o que parece! - Ela grita e vira de frente para ele — Olhe para mim, está vendo! É isso que sou! Estou cheia de machas e feridas que podem me afundar a qualquer momento - Bella respira fundo - Eu não sou perfeita! Não sou perfeita para você e posso te trazer mais problemas do que soluções. Meu passado é mais sujo do que seus olhos consegue ver. Ainda assim você me diz que não quer me perder! - Ela olha para ele – Está fazendo tudo errado, você é um péssimo namorado!

This night is sparkling,
Don't you let it go.
I'm wonderstruck, blushing all the way home,
I'll spend forever wondering if you knew,
This night is flawless,
Don't you let it go.
I'm wonderstruck, dancing around all alone.
I'll spend forever wondering if you knew,
I was enchanted to meet you
Esta noite está vibrante,
Não a deixe fugir
Estou maravilhada, corando todo o caminho até em casa.
Vou passar a eternidade me perguntando se você sabia
Esta noite está perfeita,
Não a deixe fugir
Estou maravilhada, dançando sozinha.
Vou passar a eternidade me perguntando se você sabia
Que eu estava encantada em conhecê-lo


-- Estou tentando ser melhor por você! - Edward diz segurando seu rosto entre as mãos — Você é tudo o que preciso!

- Você está louco! - Ela sussurrou e as lágrimas caem pelo seu rosto.
-- Sim, sim eu estou louco, completamente louco por você! - Edward diz — Você é a única que não ver isso e a única que ainda duvida, até mesmo os meus inimigos já notaram que você é a minha vida agora, que eu te amo! Edward sussurra as palavras — Que estou completamente apaixonado por você.

This is me praying that this was the very first page,
Not where the storyline ends.
My thoughts will echo your name until I see you again
These are the words I held back as I was leaving too soon
"I was enchanted to meet you."
Please don't be in love with someone else.
Please don't have somebody waiting on you.
Please don't be in love with someone else.
Please don't have somebody waiting on you
Esta sou eu rezando para que essa seja a primeira página
Não onde a história termina
Meus pensamentos vão ecoar o seu nome até eu te ver de novo
Estas são as palavras que segurei ao ir embora cedo demais
Eu estava encantada em conhecê-lo
Por favor, não se apaixone por outra pessoa.
Por favor, não tenha ninguém esperando por você.
Por favor, não se apaixone por outra pessoa.
Por favor, não tenha ninguém esperando por você.

-- Eu te amo Isabella Mary e sou um tolo por não ter dito isso antes!

-- Diz de novo! Por favor, diz de novo!

-- Diz o quê? - Edward pergunta falsamente desentendido.

--Diz a parte onde você diz que me ama! - Ela diz chorando e Edward sorrindo.

-- Eu te amo! Eu te amo! Eu te amo!


This night is sparkling,
Don't you let it go
I'm wonderstruck, blushing all the way home,
I'll spend forever wondering if you knew,
This night is flawless,
Don't you let it go
I'm wonderstruck, dancing around all alone,
I'll spend forever wondering if you knew,
I was enchanted to meet you
Esta noite está vibrante,
Não a deixe fugir
Estou maravilhada, corando todo o caminho até em casa
Vou passar a eternidade me perguntando se você sabia
Esta noite está perfeita,
Não a deixe fugir
Estou maravilhada, dançando sozinha.
Vou passar a eternidade me perguntando se você sabia
Que eu estava encantada em conhecê-lo



Cada eu te amo que Edward dizia era retribuído por beijos e mais beijos. Toda a multidão que os cercavam fora esquecida e ambos se perderam um na boca do outro. A mão de Bella nos cabelos de Edward o deixava ainda mais descabelado, assim com Isabella que já estava desengonçada há muito tempo. Mesmo ela estando sobre o efeito do álcool, ela estava muito consciente de cada toque e ato que Edward dedicava a ela e ao seu corpo. As mãos do rapaz cada vez mais a puxavam para junto de si, colando ainda mais seus corpos, deixando-a mais ciente do que nunca do estado de excitação do namorado.

Please don't be in love with someone else.
Please don't have somebody waiting on you.
Por favor, não se apaixone por outra pessoa.
Por favor, não tenha ninguém esperando por você.

---- Venha vamos! - Edward disse interrompendo o beijo.

-- Para onde vamos! - Bella pergunta.

-- Você verá! - Edward diz a puxando pela multidão.

Edward seguiu  entre a multidão levando Isabella para fora da boate, ele não se despediu de ninguém, apenas seguiu para o estacionamento que estava deserto, afinal agora que a casa noturna estava bombando quem iria querer ir embora? Apenas Edward, é claro! Ele tinha outros planos na cabeça, planos esses que incluía Isabella nua e ao seu dispor...

Continua...

Um comentário:

  1. NOSSA COMO O EDWARD PODE DÁ ESSA MANCADA COM A BELLA TADINHA...OMG ELE ATE QUE EM FIM SE DECLAROU PRA ELA AI QUE LINDOOOO.MAIS ALGO ME DIZ QUE ISSO SÓ SERVIO PRA ATRAIR MAIS INIMIGOS PRA O CASAL...

    ResponderExcluir